Na noite desta quinta, 25, aconteceu a cerimônia de abertura da 13a edição dos Jogos da Terceira Idade (Jasti) em São Bento do Sul.

Um evento que reúne mais de 2500 atletas de 156 municípios catarinenses, com disputas até o dia 28, em 11 modalidades: Atletismo, Beach Tênis, Bocha, Bolão 23, Canastra, Dominó, Dança Coreográfica, Dança de Salão, Dança Popular, Truco e Voleibol adaptado.

Essa edição dos Jasti, marca a primeira solenidade de uma etapa estadual com a presença do presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Paulo André Jukoski da Silva, o Paulão do Volei. 

Em seu discurso, Paulão destacou a sua alegria e orgulho em estar presente em seu primeiro Jasti. "Confesso a vocês que esse orgulho dobra ao ter oportunidade de representar o governador Jorginho Mello num evento tão grandioso". 

Na sequência, enalteceu a Fesporte e a importância do esporte na vida das pessoas. "Ao ser convidado para a função de dirigir uma entidade tão importante, eu disse ao governador que é a mais importante do governo dele, pois estou aqui hoje como campeão olímpico, graças a um professor de educação física". 

O prefeito municipal de São Bento do Sul, Antonio Joaquim Tomasini Filho, agradeceu a presença de todos para esta edição dos Jasti. "Estou lisonjeado ao receber os senhores e senhoras aqui. Fiquei muito feliz ao observar muitos de cabelinhos brancos passeando pela nossa cidade. Independente de medalhas, vocês já são vencedores", finalizou. 

 

 Presidente da Fesporte, Paulão, com sua mensagem na abertura dos Jasti             Foto: Delamare de Oliveira Filho (Ascom)

 

Chegada da Tocha

Evaldo Rosa da Silva, de São Bento do Sul levou a tocha olímpica. O atleta são bentense, iniciou sua história com o atletismo em 1977 quando participou dos XVIII Jogos Abertos de Santa Catarina, conquistando o título de atleta revelação. Após esta conquista, inspirado pelo esporte especializou-se em educação física e em 1980 foi campeão mundial militar no campeonato mundial militar de atletismo na prova de revezamento 4 por 400 metros. 

Daí para cá, colecionou inúmeros títulos e medalhas, competindo em várias partes do mundo. Entre elas: Espanha, Argentina, Chile e Venezuela. Em 1984 alcançou o índice olímpico e participou das Olimpíadas de Los Angeles, EUA. 

Após o retorno dos Jogos Olimpicos, contabilizou 28 medalhas nas competições dos Jogos Abertos de Santa Catarina sendo: 13 de Ouro, 11 de Prata e 4 de  Bronze. 

 

Juramento do Atleta

Outro momento muito significativo foi o juramento do atleta, onde Sylvio Roberto Munhoz com os desportistas prometeram honra, boa vontade e esportividade. Sylvio é formado em educação física, foi professor por 37 anos. Exerceu a função de diretor de escola, técnico de voleibol desde 1979, obtendo várias conquistas em Jogos Escolares, Olesc, Joguinhos Abertos, Jasc e campeonatos estaduais e brasileiros. 

No final da cerimônia, o presidente da Fesporte, Paulão, e o prefeito de São Bento do Sul, Antônio Tomasini, declararam abertos os 13º Jogos da Terceira Idade de Santa Catarina. 

Delamare de Oliveira Filho - 48 99683 5416

Aconteceram nessa semana, em várias partes do Estado, as últimas competições das 36 etapas microrregionais dos Jogos Escolares de Santa Catarina (15 a 17 anos). Nessa faixa etária, foram realizadas as etapas microrregionais e posteriormente as seletivas nas modalidades de Atletismo (12 etapas seletivas) e quatro etapas Regionais para as modalidades de Basquetebol, Futsal, Handebol, Voleibol, Vôlei de Praia. 

As próximas etapas regionais acontecerão nos municípios de Maravilha (Regional Oeste); Fraiburgo (Regional Centro-Oeste); Mafra (Regional Leste-Norte) e Urussanga (Regional Sul). Nas modalidades de Badminton, Judô, Tênis de Mesa e Xadrez a etapa microrregional, classifica automaticamente para a etapa estadual. 

Todos os inscritos nas modalidades de Ciclismo, Ginástica Artística, Ginástica Rítmica, Wrestling, Natação e Taekwondo, irão para a etapa estadual, não havendo disputas classificatórias anteriores. 

Os Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC) são promovidos pelo Governo do Estado por intermédio da Fesporte, em parceria com as prefeituras dos municípios sede. A etapa estadual dos JESC está confirmada para o município de Timbó entre os dias 30 de junho e 08 de julho. Mais de três mil estudantes de todo o Estado, acompanhados de seus professores, são esperados para as competições no município.

Texto: Delamare de Oliveira Filho 

 

Letícia Oro Melo, conquistou a medalha de bronze no GP Brasil de Atletismo, realizado nesta quarta, 10, em São Paulo (SP). Oro é a atual recordista do salto em distância dos Jogos Abertos de Santa Catarina, com a marca de 6,40m obtida no ano passado em Rio do Sul.  

Nessa edição do Grande Prêmio Brasil, a atleta catarinense saltou 6,37m, ficando atrás da colombiana Natalia Carolina Linares, que saltou 6,39m e da brasileira Lissandra Maysa Campos, que conquistou o ouro ao saltar 6,47m. 

Letícia é uma das promessas do atletismo brasileiro e vem ganhando destaque no cenário internacional. Em 2022, conquistou o bronze no mundial da modalidade em Oregon, Estados Unidos. 

O Grande Prêmio Brasil soma pontos para o Ranking da World Athletics na corrida para o Campeonato Mundial de Atletismo de Budapeste, na Hungria, que será disputado de 19 a 27 de agosto deste ano. 

O evento contou com a participação de 130 atletas de 14 países e teve, ao todo, 20 provas, sendo 10 para feminino e outras 10 no masculino.

 

Delamare de Oliveira Filho (Assessoria de Comunicação/Fesporte) (48) 99683-5416

Um dos destaques do Campeonato Brasileiro de Xadrez, realizado em Natal, no Rio Grande do Norte, que reuniu atletas dos seis aos 20 anos, entre os dias 3 e 7 de maio, foi a blumenauense, Gabriella Feller.

Feller que é contemplada do programa Bolsa Atleta do Governo do Estado,  conquistou o Ouro na categoria sub-20 feminina, no Blitz, Rápido e Clássico. As catarinenses fizeram dobradinha no pódio, com Gabriela Feller, de Blumenau, em primeiro lugar e Maria Eduarda Gomes, de Lacerdópolis, em segundo. Letícia Silva e Silvia Makowski, ambas de Joaçaba, ficaram em 4º e 6º lugar, respectivamente.

A enxadrista de Blumenau é "veterana" em se falando de títulos: venceu o brasileira sub-10 em 2014; e no sub-12 em 2016. Outros títulos importantes dela são: Campeã dos Jogos Escolares Brasileiros - JEBs de 15 a 17 anos (2019), 4° lugar Mundial Escolar sub 11 (2014);  Campeã Sul-americana escolar (2018);  Campeã Pan-americana amador fem. sub 2000 (2021).

Gabriela postou em sua rede social a seguinte declaração: " Muuito feliz com a conquista dos três títulos!!! Fechei meu ciclo de campeonatos brasileiros com chave de ouro!. Muuito obrigada a Deus, aos meus pais, família e amigos que estavam de longe na torcida sempre mandando energias e mensagens positivas!". Com essa conquista, Feller conquistou a vaga para o Mundial da modalidade.

Delegação de Santa Catarina no Campeonato Brasileiro de Xadrez em Natal, RN.                Foto: Federação Catarinense de Xadrez 

 

Santa Catarina se sagrou campeã do evento, com a participação de 55 catarinenses entre os melhores jovens enxadristas do Brasil. A competição aconteceu durante o Festival Nacional da Criança (FENAC) e Festival Nacional da Juventude e Juvenil (FENAJ).  

Marlon Cristiano Rahn, presidente da federação catarinense de xadrez, destacou a brilhante participação da delegação barriga verde, com atletas desde o sub-6 até o sub-20. "Obtivemos um resultado muito expressivo, ficando a frente de grandes centros. Isso mostra que o xadrez catarinense vem cada vez mais forte, principalmente na sua base".

Rahn enalteceu o incentivo e o apoio de pais e treinadores, atores essenciais para o êxito do estado nessa competição. "Atualmente o melhor xadrez do Brasil acontece em Santa Catarina, graças ao maravilhoso trabalho que é realizado a partir do trabalho dos professores, treinadores e pais", finalizou.

O evento é promovido pela Confederação Brasileira de Xadrez (CBX) ocorre todos os anos e define os campeões brasileiros em cada categoria. Os torneios de xadrez serão nos ritmos clássico, rápido e blitz e premiam os três melhores no masculino e feminino.  Serve para definir quais serão os representantes brasileiros nos Campeonatos Mundial, Pan-americano e Sul-americano de Xadrez, e também define novos atletas convidados a participar do projeto Futuros Olímpicos, da Confederação Brasileira de Xadrez.

 

 Quadro Geral de Medalhas do Brasileiro de Xadrez 2023                                         Créditos: Federação Catarinense de Xadrez 

 

Delamare de Oliveira Filho (Assessoria de Comunicação/Fesporte) / (48) 99683-5416 

 

Na manhã deste sábado, 6, Paulão,  presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), representou o governador Jorginho Mello na solenidade de inauguração da pista de skate street, em Florianópolis. 

A área com mais de dois mil metros quadrados é a maior pista de skate street de Santa Catarina, segundo a Federação Catarinense de Skate.  Com ela, Florianópolis está habilitada a sediar, disputas mundiais da modalidade olímpica. 

Para o presidente da Fesporte, é motivo de muita alegria, representar o governador num evento tão importante para uma modalidade que está se popularizando com muita rapidez nos últimos anos no Brasil. 

“Quero dizer que o governo é parceiro para a criação de ferramentas que incrementem cada vez mais o esporte catarinense. Com certeza é uma grande pista. Vamos pegar o exemplo do prefeito Topázio e difundir para o estado inteiro”.

 

Pista de skate street é a maior de SC e pode sediar competições internacionais                  Foto: Alyssa Gonçalves

 

Para o prefeito da capital, Topázio Neto, “esta é uma inauguração que traz para a cidade mais um equipamento de esporte público para a integração das pessoas. O skate é um esporte inclusivo, você vê todo mundo na pista, não importando a idade ou a classe social”, finalizou. 

A pista receberá oficialmente o nome de "Trinda Times", como era carinhosamente chamada uma antiga pista que existiu na praça, em homenagem ao skatista Eduardo de Oliveira Coelho Pinto, falecido em 2001 aos 14 anos.

Dona Etelvina Oliveira Carvalho, tia e madrinha de Eduardo, ressalta que este é um momento de uma mistura de emoções: alegria e tristeza. Alegria pela homenagem, mas tristeza por não ter mais o Eduardo entre nós. Estamos aqui para esse momento que fizeram para o Eduardo. 

Delamare de Oliveira Filho (Assessoria de Comunicação/Fesporte)

48 99684 5416 /  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Na manhã desta sexta, 5, o presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Paulão, recebeu Danieli Porporatti, Secretária-Geral de Governo do Estado. Na pauta, alinhamentos das atividades e do planejamento da Fesporte com o Governo Estadual. 

 Paulão, destacou a importância da visita da Secretária na Fesporte e expressou sua alegria em recebê-la, pois nesse momento foram debatidas as diretrizes para complementar todo o  trabalho que já vem sendo desenvolvido.

Para o campeão olímpico, "é uma honra e motivo de muita alegria receber a secretária geral do governo em nossa fundação. Esse gesto demonstra o quão o governador Jorginho está feliz com o andamento dos trabalhos em prol do esporte catarinense". 

E finalizando, afirmou que esse encontro "é uma ótima possibilidade para que a secretária, Danieli, nos oriente e nos auxilie para o aperfeiçoamento de todo o trabalho. E a equipe da Fesporte, só tem a ganhar com tudo isso". 

 

Dirigentes da Fesporte no encontro com a Secretária-Geral do Estado             Foto: Delamare de Oliveira Filho (Ascom)

 

Danieli Porporatti, relembrou as palavras do governador Jorginho Mello, que reforça sempre  que o esporte de Santa Catarina volte a fazer parte da vida das pessoas. 

Para Danieli, "é muito bom ver o quanto o presidente Paulão e equipe estão empenhados nessa grande missão. Não podemos nunca perder de vista que o esporte é uma ferramenta poderosa de inclusão e transformação social, sendo portanto prioridade para um Governo que tem como propósito maior cuidar das pessoas". 

 

A secretária-geral de Governo do Estado recebe uma lembrança do presidente da Fesporte   Foto: Delamare de Oliveira Filho (Ascom)

 

Estiveram presentes no encontro: Renata Cristina Marcondes, assessora da presidência; Sérgio Tadeu Macagnan, Diretor de Administração e Finanças; Mirian Dolzan, Diretora de Esportes; Gerson Fior, Gerente de Apoio Operacional. 

 Texto - Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte)

Pagina 22 de 29