Heron Queiroz

Os Jogos Abertos de Santa Catarina estão ainda mais acesos ao povo catarinense. Na noite desta quinta-feira (19), na Sociedade Esportiva Bandeirante, em Brusque, a tradicional cerimônia do fogo simbólico anuncia a 57ª edição dos Jasc. 

O salão nobre do Bandeirante esteve repleto para o ato do acendimento do fogo que representa a essência dos Jogos Abertos de Santa Catarina. No berço dos Jasc, onde o empresário Arthur Schllösser deu início à principal competição esportiva em 1960, a emoção tomou conta dos presentes. Recheado de simbolismos, como o recebimento da bandeira dos Jogos pelo município sede da 57ª edição, o ponto alto da noite, claro, foi com o acendimento da pira. 

 

Lages recebe da Fesporte a bandeira dos Jogos Abertos

Representado por Juliano Polese, vice-prefeito e também presidente da Comissão Central Organizadora, o município-sede Lages recebeu das mãos do presidente da Fundação Catarinense de Esporte, Erivaldo Nunes Caetano, a bandeira dos Jogos Abertos. O ato simbólico representou a oficialização da cidade como a detentora, por nove dias dos Jasc. 

- É uma responsabilidade muito grande de realizar um evento tão grandioso como esse, mas tenho a certeza de que será uma experiência inesquecível para atletas e comunidade em geral - disse o vice-prefeito de Lages, Juliano Polese.

 

Prefeitos acendem o fogo simbólico

O prefeito de Brusque, Jonas Paegle, e o vice-prefeito de Lages, Juliano Polese,  tiveram a honra de decretar mais um passo para o início da 57ª edição dos Jasc. 

Em alusão ao fogo olímpico, referente às Olimpíadas de origem na Grécia, a cerimônia em Brusque teve o seu ápice com a entrada do fogo simbólico. A tocha dos Jasc foi acesa pela neta de Arthur Schllösser, Eugência Schllösser. Em seguida, Juliano e Jonas acenderam a pira da 57ª edição dos Jogos. 

- É um motivo de alegria, reabitando os Jogos Abertos de Santa Catarina, isso nasceu em 1960. Como prefeito, é uma alegria e uma satisfação, realmente os Jogos Abertos integram todos os municípios de Santa Catarina. É uma satisfação, pois isso marca uma nova etapa, estamos voltando ao que éramos. É um motivo de alegria acender esse fogo - disse o prefeito de Brusque.

Emocionado, o presidente da Fesporte, ressaltou a importância do esporte na sociedade catarinense. 

- Estamos aqui hoje onde tudo começou. O fogo jamais vai apagar, pois Brusque e a Fesporte não vão deixar. Não vamos deixar essa chama perder a força - exaltou.

 

Pessoas que contribuíram com o cerimonial do fogo e com o esporte catarinense foram homenageadas                     Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Emoção toma conta dos homenageados

Nove nomes que muito fizeram para Santa Catarina foram homenageados e, certamente, na noite desta quinta-feira, foi o momento de maior emoção e também aplausos pelo público presente.   

Arthur Schlosser (in memoriam), Rubens José Facchini (in memoriam), Orlando Francisco Muller, Ruth Mosimann Hoffmann, Vinícius José Bado, Bruno Appel, Osni Cesar Muller e Rudi Nodari. Todos exibiram muita emoção no momento de receber uma placa de agradecimento pelo serviço prestado ao esporte catarinense.

 

Eugênia Schlösser, neta dos criador dos Jasc, Arthur Schlösser recebe a tocha                              Foto: Heron Queiroz/Fesporte

A chama dos Jogos Abertos de Santa Catarina desembarca em Lages e, no dia 3 de novembro, iniciará a 57ª edição. A competição seguirá até o dia 11, com a expectativa de reunir mais de 4 mil atletas para a disputa de 26 modalidades.

 

Texto: Renan Koerich

 

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

 

A Sociedade Esportiva Bandeirante (SEB), clube mais tradicional de Brusque, receberá na quinta-feira, 19, às 20 horas, a Cerimônia de Acendimento do Fogo Simbólico dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc). A solenidade, que, há 31 anos, anuncia para todo o estado o início da maior competição esportiva de Santa Catarina.

A SEB que foi o principal palco de competições da primeira edição dos Jasc e das demais edições realizadas no município (1965, 1985, 2000 e 2010), volta a ser o cenário da cerimônia do fogo, que, nos últimos anos estava sendo realizada na Arena Brusque.

Segundo o presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Jr. (Vadinho), utilizar a estrutura da SEB faz parte do resgate da história dos Jasc. “Olhar para o futuro e buscar o desenvolvimento requer que você também se volte para o passado e resgate a história para que o evento seja visto com ainda mais valor. E os Jasc precisam dessa valorização. Isso é um grande motivador aos nossos atletas”, disse.

São aguardadas autoridades de diversos municípios participantes, sobretudo de Brusque, berço dos Jogos Abertos, e de Lages, sede desta 57ª edição, além de autoridades que estarão representando o Governo do Estado, que promove o evento, e seus apoiadores.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 99635-9617 - 3665-6126

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Atletas e equipes não tomaram conhecimento da sexta-feira 13, chutaram o azar pra longe e mostraram que muito mais competência do que sorte foi determinante para as vitórias. Foi assim o penúltimo dia de Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), em Rio do Sul, com Blumenau no atletismo e xadrez masculinos, Chapecó no futsal feminino, Florianópolis no xadrez feminino, Joaçaba no tênis de mesa masculino, Joinville no atletismo e tênis de mesa feminino, Lages no handebol masculino, Nova Trento no vôlei feminino e São Miguel do Oeste no basquete feminino.

No clássico do Oeste,Chapecó goleou Concórdia por 8 a 0 e ficou com o título                                                Foto: Heron Queiroz/Fesporte

 

Num confronto que já virou clássico, São Miguel do Oeste venceu Jaraguá do Sul por 60 a 32                                     Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Com os resultados, Joinville se mantém na frente, com 100 pontos, seguido de Blumenau, com 84; Itajaí, com 47; Florianópolis, com 43 e Criciúma, com 35.

Na programação do último dia de  decisões da Olesc, além do judô,  acontecem os confrontos entre Jaraguá do Sul e Porto União no basquete masculino, Chapecó e São José no futsal masculino, Itajaí e Blumenau no handebol feminino e Gaspar e Brusque no vôlei masculino.

Depois da decisão vôlei, por volta das 13h, acontecerá o cerimonial de encerramento, no Ginásio Municipal Artenir Werer.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 3665-6126 / 99635-9617

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Joinville abre 20 pontos de Blumenau e dispara na liderança da Olesc. Florianópolis já é terceiro. Com os resultados dessa quinta-feira, 12, principalmente o título no tênis masculino e o vice no ciclismo, Joinville atingiu 64 pontos, contra 44 de Blumenau e 26 de Florianópolis. 

Na manhã desta sexta-feira, 13, o líder no quadro de pontos já computou mais 21 pontos no tênis de mesa, com o título no feminino (13) e o vice no masculino(8). Mas Blumenau obteve a mesma pontuação no xadrez, com o título no masculino e o vice no feminino.

Mas há ainda muitos pontos em disputa. Futsal, vôlei e basquete femininos, além do atletismo, encerram na tarde desta sexta-feira.  No último dia do evento, sábado, fecham futsal, vôlei e basquete femininos, handebol masculino e judô.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 3665-6126 / 99635-9617

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

 

Ao final da manhã desta quinta-feira, 12, o tênis feminino apresentou as vencedoras da 17ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), no Esporte Clube Concórdia. Blumenau, Criciúma e Rio do Sul formaram, pela ordem, o pódio. Logo, no início da tarde, foi a vez do masculino, que levou ao pódio Joinville, Florianópolis e Criciúma.

Maria Isabel Goedert e Ana Alice Goedert (de Blumenau), Luíza Casagrande e Maria Gabriele Vitoriano (de Criciúma) e Bárbara Souza e Maitê Werlang (de Rio do Sul) formaram o pódio feminino. O masculino foi composto por Henrique Baggio e Gabriel Müller (de Joinville), Daniel Rebelo e Manuel Pazos (de Florianópolis) e Gustavo Bernardi e Gustavo Silva (de Criciúma)

O número de equipes femininas no tênis não atingiu o mínimo regulamentar. São previstas oito equipes, mas o feminino concorreu somente com seis. Em função disso, as equipes vencedoras na categoria não somaram pontos no quadro geral.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 3665-6126 / 99635-9617

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

A equipe de Içara recebeu o troféu de campeã do ciclismo da 17ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc). O título se consolidou com a conquista dos cinco primeiros colocados da prova de estrada, no início da tarde desta quinta-feira, 12. Artur Simeoni, Danilo Carvalho Filho e Bruno Sandrin, compuseram a ordem do pódio da prova. Artur e Danilo chegaram com o tempo de 1h17min. Um minuto depois passou Bruno. Felipe Di Domenico e Fernando Mendes completaram o quinteto içarense. 

A chuva parou, e o sol chegou forte durante a prova de estrada                                                                                                       Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Só nessa última prova, Içara, considerando a colocação dos cinco ciclistas, o município obteve 39 pontos,mais do que o segundo colocado, Joinville, que conquistou 31 pontos na soma de todas as provas de ciclismo. Para levantar o troféu de terceiro colocado, estava o anfitrião da Olesc, Rio do Sul.

A conquista quebra a sequência de sete vitórias de Criciúma no ciclismo da Olesc, já que a equipe migrou para a cidade de Içara.

 

Içara “herdou” a equipe de ciclismo que deu sete títulos seguidos a Criciúma                           Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Texto: Heron Queiroz

(48) 3665-6126 / 99635-9617

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Pagina 1 de 28