Quinta, 14 Setembro 2023 14:14

Atletas de SC são avaliados no Laboratório Olímpico Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Um dos destaques dos Jogos da Juventude, e que vem atraindo a atenção dos jovens atletas de Santa Catarina e outros Estados, é o Laboratório Olímpico Brasileiro. E este é um trabalho que tem o incentivo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação por meio de financiamento da FINEP além de ter a parceria do Comitê Olímpico do Brasil (COB) com nove instituições de ensino e pesquisa. O principal diferencial é a proximidade física de profissionais de diferentes especialidades ligados às ciências do esporte com atletas e treinadores de alto rendimento, já que suas dependências estão localizadas no Parque Aquático Maria Lenk, coração do Centro de Treinamento Time Brasil.

"Queremos criar um banco de dados de referência, com informações detalhadas sobre os melhores atletas em idade escolar no Brasil. Com esses resultados, poderemos, em breve, oferecer aos professores de todo o país tabelas que auxiliem na detecção de novos talentos. Partimos do princípio que os atletas testados aqui são os melhores dentro de suas faixas etárias. Os dados obtidos nas avaliações demonstram um perfil populacional bastante fidedigno", explica Felipe Lucero, Supervisor de Ciência e Tecnologia Esportiva do COB.

Instalado dentro do Centro de Convivência dos Jogos da Juventude, os atletas são avaliados e monitorados por diferentes especialistas que oferecerem aos treinadores informações precisas que ajudam no planejamento das sessões de treinamento e das competições. Por este motivo, o Laboratório Olímpico apresenta um conceito inovador, que viabiliza avaliações personalizadas capazes de atender às especificidades de cada modalidade, inclusive podendo se deslocar para onde os nossos atletas estiverem.

 

A presença de avaliadores do Laboratório Olímpico garante a alta qualidade na coleta de dados, o que é um fator fundamental para esse tipo de estudo. O grupo selecionado para os Jogos da Juventude é composto por 11 profissionais e cinco voluntários, que atuam em funções de apoio à operação. Todos os testes aplicados no Centro de Avaliação e Monitoramento têm seus protocolos validados internacionalmente e são facilmente adaptados para serem desenvolvidos nos estados com recursos básicos.

"Temos preparadores físicos, analistas de desempenho, analistas de dados e biomecânicos, todos pós-graduados em suas especialidades e com vasta experiência no trato com atletas de alto rendimento, sejam jovens ou adultos. Alguns destes profissionais já estão neste trabalho há mais de 10 anos, coletando as informações para detectar atletas de elite. Para os Jogos da Juventude do próximo ano, que acontecerão em Blumenau (SC), nós estaremos com este laboratório instalado lá. Estaremos certos que poderemos descobrir os perfis de novos campeões", completou Lucero.

Laboratório Olímpico 

O Laboratório tem como base três áreas de conhecimento:

• Preparação Esportiva: Preparação Física, Fisiologia, Biomecânica e Instalações Esportivas.

• Saúde do Atleta: Medicina, Farmácia, Fisioterapia, Massoterapia, Nutrição, Preparação Mental (Psicologia e Coaching).

• Ciência e Tecnologia Esportiva: Análise Técnico-Esportiva, Gestão do Conhecimento, Tecnologia Esportiva e Gestão Técnico-Científica.

 

Lido 284 vezes Última modificação em Sexta, 15 Setembro 2023 14:26