Publicado em Jasti
Escrito por

SDR's promovem Congressos Técnicos dos Jasti

Campos Novos - Representantes dos municípios que compõem a Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) de Campos Novos e que irão participar da edição microrregional do 7º JASTI – Jogos Abertos da Terceira Idade de Santa Catarina se reuniram na sede da Amplasc para a realização do Congresso Técnico que visa a discutir a competição. 

O evento, que ocorre no próximo dia 29 de abril, a partir das 7h, na sede da Copercampos, em Campos Novos, é uma promoção do Governo de Santa Catarina, através da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) e das SDR's, com apoio das Prefeituras Municipais.

Os Jogos da Terceira Idade acontece anualmente em três etapas: municipal, microrregional e estadual. Com isso, todos os idosos são envolvidos, haja vista que as competições iniciam lá mesmo nos municípios, nos clubes onde estão inseridos. “Os classificados na fase regional, no masculino e feminino de todas as categorias, serão os representantes da SDR Campos Novos no Estadual, que será de 12 a 17 de maio, em Canoinhas.”, lembrou a integradora de esportes da SDR, Clarice Luvison. 

Neste ano de 2014, assim como aconteceu no ano passado, a etapa microrregional do evento acontece através de uma parceria entre a 8ª SDR e a AMPLASC – Associação do Planalto Oeste dos Municípios de Santa Catarina. Isso, porque eram feitos dois eventos similares, e a unificação permitiu a soma de forças para melhorar ainda mais o evento destinado aos idosos. 

Segundo Clarice, a finalidade do evento é estimular a participação dos idosos em atividades esportivas e recreativas, visando a ampliar a qualidade de vida, além de manter a mente ativa, troca de experiências, novas amizades e um melhor convívio social.

A fase regional conta com a participação de sete dos oito municípios que compõem a SDR Campos Novos: Abdon Batista, Brunópolis, Campos Novos, Celso Ramos, Monte Carlo, Vargem e Zortéa, totalizando 190 atletas idosos, todos com mais de 60 anos, que disputam as modalidades de canastra, dominó, truco e bocha, no masculino e feminino, além de bolão masculino e ainda a dança de salão. “Convidamos todas as pessoas interessadas, bem como as famílias dos idosos, para prestigiar esse evento que nos trás os melhores e maiores exemplos de vida”, finalizou a integradora de esportes.

Colaborou: Camila Beber

Publicado em Jasti
Escrito por

Diretor avalia como positivos locais de competição dos Jasti

Canoinhas - Em visita nesta terça-feira (15) aos locais de competições dos Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), que serão realizados de 12 a 17 de maio, em Canoinhas, Marcelo Kowalski, diretor de esporte da Fesporte e coordenador-geral da competição, disse que os locais dos jogos estão aptos para receberem os jogos.

“Vimos pequenas questões pontuais nas canchas de bocha. A prefeitura, com auxilio do Governo do Estado, está construindo mais quatro canchas e nos garantiu que até 5 de maio, quando termina o prazo para os trabalhos, tudo está pronto para o início dos Jogos”, disse Marcelo.

O dirigente esteve acompanhado de João Cascaes, coordenador-técnico dos Jasti, Ângela Alves, responsável pelo marketing da Fesporte, E Mapi Cravo, coordenadora das competições de dança nos Jasti. Também participaram representantes da prefeitura de Canoinhas e da Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) de Canoinhas. Pela manhã, a equipe esteve reunida com o prefeito da cidade, Beto Faria, que garantiu a conclusão dos trabalhos no prazo determinado.

Mais de 200 mil em investimentos

Com investimento de R$ 220 mil, com recursos obtidos da parceria entre Governo do Estado e prefeitura, estão sendo construídas quatro canchas de bocha que serão utilizadas durante a 7ª edição dos Jasti. Após a competição, os locais ficarão como um legado à cidade e estarão à disposição da comunidade para a prática do esporte.

O prefeito Beto Faria tem acompanhado o desenvolvimento das obras, que acontecem no Parque de Exposições Ouro Verde e também na Cohab I. O prefeito comentou que a construção das canchas é também uma maneira de incentivar a prática do esporte no município. “Futuramente as associações de moradores poderão, juntamente com a Fundação de Esporte e Lazer, promover competições de bocha em nível municipal. A construção das canchas está sendo feita não apenas para o Jasti, mas para nossa comunidade”, explicou o prefeito.

A bocha é uma das principais modalidades dos Jasti, e conta com a participação da maioria dos municípios. Atualmente Canoinhas conta com duas canchas, localizadas no Estádio Municipal, com a construção das novas, o município passará a contar com 6 Canchas públicas em tamanho oficial.

Participarão dos Jasti neste ano mais de 8.600 atletas de 222 municípios desde as fases microrregionais (já em andamento e que prosseguem até o fim do mês). Entre as modalidades, a canastra e o dominó serão as mais disputadas, com mais de 200 inscritos cada. Bocha, bolão 23, truco, dança de salão e dança coreografada também estão na programação dos Jasti, que são uma promoção do Governo do Estado, por meio da Fesporte, e a prefeitura de Canoinhas.

Informações Adicionais

Antonio Prado

(48) 9696-3045

Publicado em Jasti
Escrito por

33ª SDR define classificados para o Jasti 2014

Itá - A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Seara (33ª SDR), em parceria com a Prefeitura Municipal de Seara, realizou na última sexta-feira (11) a Etapa Microrregional dos Jogos Abertos da Terceira Idade de Santa Catarina (Jasti).

Delegações de atletas de sete municípios da Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) de Seara competiram na etapa microrregional dos Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), no município de Itá.  Os mais de 300 atletas da melhor idade estão em disputa às modalidades de bocha, bolão, canastra, dominó, dança coreográfica, dança de salão e truco. A etapa microrregional é classificatória para a etapa estadual que acontecerá em Canoinhas de 12 a 17 de maio.

Para o diretor geral da SDR, Ademar Petry, todos os atletas já são vencedores. “Todos aqui já contribuíram com a sociedade e foram pioneiros na nossa região, nada mais justo que nós retribuirmos todo o esforço e amor que dedicaram aos seus municípios”, agradeceu.

A prefeita de Itá, Leide Mara Bender, lembrou que o município já foi sede de etapa microrregional em 2010 e ano passado sediou a Etapa Estadual do Jasti, reunindo mais de 1.700 atletas de todo Estado, e agora com orgulho recebeu as equipes dos municípios de abrangência da SDR de Seara. “Os idosos são o nosso exemplo de força, de perseverança e disposição. Parabéns a todos e sejam sempre bem-vindos a Itá”, declarou a prefeita.

“Queremos sempre fazer mais e melhor para incentivar a prática do esporte e a confraternização entre os municípios da Regional de Seara. O Jasti é o exemplo perfeito de alegria, confraternização e companheirismo”, destacou o Integrador de Esportes da SDR de Seara, Paulo Dalla Valle.

Como todas as equipes tinham por objetivo garantir vaga para Etapa Estadual, as disputas foram intensas, demonstrando que os municípios estavam preparados para competir. "Observamos neste ano além do bom nível nas disputas uma participação maior que nos anos anteriores, o que de fato justifica a realização e a importância que os municípios e os atletas da melhor idade vem dando ao Jasti, finalizou Dalla Valle.

A 7ª edição dos Jasti é uma promoção do Governo do Estado, através da Fesporte, Secretarias Regionais, em parceria com as Prefeituras Municipais. 

Classificados da 33ª SDR para Etapa Estadual dos Jasti:

Bocha Masculino: Paial

Bocha Feminino: Itá

Bolão Masculino: Itá

Bolão Feminino: Itá

Canastra Masculino: Arabutã

Canastra Feminino: Seara

Dominó Masculino: Itá

Dominó Feminino: Itá

Dança Coreográfica: Arabutã

Dança de Salão 60 a 69 anos: Seara

Truco Masculino: Xavantina e Seara

 

Publicado em Jasti
Escrito por

Fesporte vistoria preparativos para o 7º Jasti em Canoinhas

Canoinhas - A menos de um mês da abertura dos Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), os dirigentes da Fesporte farão nesta semana uma vistoria técnica na cidade-sede, Canoinhas, para conferir o andamento dos preparativos principalmente nos locais de competições.

A visita ocorre nesta segunda-feira (14) e terça-feira (15) e contará com a presença do diretor de esporte da Fesporte e coordenador-geral dos Jogos, Marcelo Kowalski, e do coordenador-técnico da competição, João Cascaes. Canoinhas prepara os locais de competições para receber os atletas da terceira idade entre 12 e 17 de maio. Serão milhares deles na disputa de modalidades como bocha, bolão, dança de salão, dança coreografada, canastra, truco e dominó.

"É importante ir ao local e acompanhar de perto como estão os preparativos a um mês da abertura dos Jogos, para ter a tranquilidade de que tudo vais transcorrer da melhor forma durante a competição", disse o diretor da Fesporte, Marcelo Kowalski.

Publicado em Geral
Escrito por

Brusque se despede de Rubens Fachini, cofundador dos Jasc

Brusque - Lamentos e emoção marcaram o enterro do comendador do esporte Rubens Fachini na manhã deste sábado (12) em Brusque. Morto em acidente de trânsito na sexta-feira (11),  no quilômetro 40 da BR-470, em Gaspar, Fachini foi cofundador dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) em 1960 juntamente com Arthur Schlösser. Dirigentes e funcionários da Fesporte estiveram presentes ao ato prestando solidariedade aos familiares.

Durante a missa de corpo presente, que antecedeu o enterro, celebrada pelo padre Silvano da Costa, na capela do cemitério Parque da Saudade, muitos dirigentes esportivos e autoridades compareceram à cerimônia. Cerca de 300 pessoas participaram da missa, entre elas o prefeito de Brusque Paulo Eccel e do comendador do esporte Rudi Nodari, amigo de Fachini que participou da Comissão Organizadora da primeira edição dos Jasc em Brusque no ano 1960.

“Estou sem palavras para expressar o que estou sentindo. Fachini nos fará muita falta”, disse Nodari. Durante a missa os familiares ficaram bastante emocionados, principalmente a esposa Maria Fronz. Padre Silvano enalteceu as virtudes de Fachini, destacando o amor ao esporte mostrado durante os 76 anos de vida do comendador.

O caixão foi coberto com as bandeiras do Fogo Simbólico dos Jasc (evento organizado por Fachini e que todos os anos percorre o Estado visando a promover os Jasc), do Flamengo e do Carlos Renaux, de Brusque, as duas paixões no futebol do comendador.

Durante a missa, o prefeito Paulo Eccel relembrou o período em que viajou todo Estado em 2010 “com seu Fachini para promover o Fogo Simbólico dos Jasc”. “Ele não foi mais um na multidão, pois durante sua passagem na terra deixou um  legado para o esporte catarinense”. Por fim a neta de Arthur Schlösser, Regina, ao final da missa, disse que na noite anterior tivera um sonho. “Nele seu Rubens era recebido no céu pelo meu avô e vários desportistas. Meu avô disse: ‘Agora que criamos os Jogos Abertos vamos criar no céu os Primeiros Jogos da Eternidade”.

Informações Adicionais

Antonio Prado

 (48) 9696-3045

Publicado em Geral
Escrito por

Esporte catarinense perde o comendador Rubens Fachini

Florianópolis - O esporte catarinense está de luto. Morreu na manhã desta sexta-feira (11) Rubens Fachini, um dos principais nomes da história do nosso esporte, criador dos Jasc e um dos maiores incentivadores do crescimento da competição ao longo de mais de 50 anos.

Comendador da esporte, Fachini foi atleta do vôlei, do atletismo e o grande parceiro de Arthur Schlösser na criação dos Jogos Abertos de Santa Catarina, em 1960. Apaixonado pelo esporte, sempre prestigiou as competições e nos últimos anos era o grande guardião das tradições dos Jasc, organizando cerimônias como a do acendimento do fogo simbólico. 

Rubens Fachini foi uma das vítimas de um grave acidente na manhã desta sexta-feira no KM 40 da BR-470, no município de Gaspar. Ele tinha 76 anos e deixa mulher e cinco filhos. O velório será nesta sexta-feira à noite na capela mortuária do Centro, atrás da Igreja Evangélica. O enterro está confirmado para às 10h de sábado no Cemitério Municipal.

A Fesporte presta solidariedade à família e lamenta profundamente a perda de um dos ícones do nosso esporte. O presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Junior, expressou o tamanho da perda para o esporte catarinense:

"Estamos todos órfãos, pois o Seu Rubens era como um pai do esporte de Santa Catarina. Uma pessoa amável, de biografia rica e inúmeros serviços prestados ao esporte. Foi dirigente, atleta, mas, antes de tudo, foi um cidadão que amou o esporte intensamente. Uma perda irreparável".

O governador do Estado, Raimundo Colombo, também lamentou a perda para o esporte catarinense:

"Sem dúvida perde Santa Catarina, sobretudo o esporte, sem a figura de Rubens Fachini. Um idealizador, um lutador sempre com um sorriso no rosto para buscar o que acreditava. Construiu, ao lado de Artur Schlösser, um patrimônio inestimável para o nosso esporte, os Jogos Abertos de Santa Catarina. Será difícil reparar a perda, e fica a missão de preservar a memória de tudo que ele construiu ao longo de uma vida dedicada ao esporte".

Rubens José Fachini era apaixonado pelo esporte (na juventude, praticou vôlei e atletismo de maneira mais destacada, mas se aventurou em outras modalidades). Outra paixão era o Flamengo. Era amigo pessoal do principal nome da história do clube, Zico, a quem convidou para ser a estrela da cerimônia de abertura dos Jasc de 2010, que comemoravam em Brusque os 50 anos do nascimento dos Jogos (convite prontamente aceito). Zico, inclusive, ao receber a notícia publicou uma nota no Facebook oficial dele (com uma foto ao lado de Fachini, em 2011), lamentando a perda e enaltecendo a amizade entre eles: "Morreu hoje o querido amigo de muitas décadas, Sr Rubens Facchini. Figura amável de Brusque, empresário entusiasta do esporte e que sempre tratava a todos com muito carinho". 

Um dos amigos mais próximos de Fachini, o comendador e jornalista Roberto Alves relembra com carinho da importância dele para a criação dos Jasc: "Ele foi um dos artífices dos Jasc: idealizou o formato a partir de uma viagem que fez a São Carlos (SP), a pedido de Arthur Schlösser, para conhecer os Jogos Abertos da cidade".

Fachini também foi locutor esportivo no rádio, dirigente de clubes de futebol e, nos últimos anos, se dedicava com afinco para realizar a tradicional cerimônia do acendimento do fogo simbólico dos Jasc, na cidade-berço dos Jogos: Brusque, onde morava. Na último que conduziu, em outubro de 2013, recebeu uma homenagem-surpresa pelos anos de dedicação ao evento e ao esporte em geral, sendo agraciado com a comenda Arthur Schlösser. E foi às lágrimas.

Para conhecer um pouco mais da história de Rubens Fachini e a ligação dele com os Jasc, confira o vídeo de 50 anos dos Jasc, com depoimento emocionado do comendador.

A repercussão da perda:

"Sem dúvida perde Santa Catarina, sobretudo o esporte, sem a figura de Rubens Fachini. Um idealizador, um lutador sempre com um sorriso no rosto para buscar o que acreditava. Construiu, ao lado de Artur Schlösser, um patrimônio inestimável para o nosso esporte, os Jogos Abertos de Santa Catarina. Será difícil reparar a perda, e fica a missão de preservar a memória de tudo que ele construiu ao longo de uma vida dedicada ao esporte". (Raimundo Colombo, governador do Estado)

"Estamos todos órfãos, pois o Seu Rubens era como um pai do esporte de Santa Catarina. Uma pessoa amável, de biografia rica e inúmeros serviços prestados ao esporte. Foi dirigente, atleta, mas, antes de tudo, foi um cidadão que amou o esporte intensamente. Uma perda irreparável". (Erivaldo Caetano Junior, presidente da Fesporte)

"Morreu hoje o querido amigo de muitas décadas, Sr Rubens Fachini. Figura amável de Brusque, empresário entusiasta do esporte e que sempre tratava a todos com muito carinho". (Artur Antunes Coimbra, o Zico, amigo de Fachini, na página dele no Facebook)

"Na minha opinião, o maior nome do nosso esporte. Idealizador, atleta, dirigente, amante de todos os esportes. E uma das poucas unanimidades. Um amigo, uma perda que não tem reparação". (Roberto Alves, jornalista e comendador do esporte)

"Conheço o Rubens desde 1965, fica até difícil falar alguma coisa sobre ele sem se emocionar. Sem dúvida uma figura muito respeitada e muito respeitador, um conciliador pelo bem do esporte. Antes de tudo, um amigo". (J.B. Telles, comendador do esporte e presidente da Associação de Cronistas Esportivos de SC)

"Lamentável a perda trágica do Seu Rubens Fachini. Perdemos o seu convívio, perde o esporte , perde Santa Catarina. A responsabilidade para com os Jogos Abertos aumenta muito a partir de agora. Ele era a própria história, a imagem dos Jogos. Que sigamos seu exemplo". (Marcelo Greuel, ex-atleta e conselheiro do esporte catarinense)

"A perda de Rubens Fachini abala o alicerce esportivo em Santa Catarina. Uma perda irreparável. Perdemos uma das nossas referencias. Seu jeito simples e cativador, digno dos grandes homens, nos inspirava a cada encontro. Mais que sabedor dos benefícios do esporte para a sociedade, o Comendador Fachini representava um combustível essencial para manter  viva a chama  Olímpica em Santa Catarina". (Osvaldo Juncklaus, membro do Conselho Estadual do Esporte)

 

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Escolares têm adesão de 98% dos municípios de SC em 2014

Florianópolis - Um sucesso confirmado em números. Os eventos do esporte escolar organizados pela Fesporte em 2014 terão adesão de 290 dos 295 municípios catarinenses. Significa dizer que 98% do Estado estará representado em uma das competições _ os Jogos Escolares 12 a 14 anos ou 15 a 17 anos, ou o Campeonato Catarinense de Futebol Escolar, o Moleque Bom de Bola.

No total, estão inscritos mais de 269,3 mil atletas, totalizando 100% das 36 Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDR's). E nos números robustos não está computado um outro evento de âmbito escolar: os Jogos Escolares Paradesportivos, os Parajaesc. Do total (veja tabela completa abaixo), 100.643 estão inscritos nos Jesc 12-14 anos, outros 109.326 nos Jesc 15-17 anos e, por fim, 59.349 vão disputar o Moleque Bom de Bola, considerando desde as etapas microrregionais.

São números que falam por si a respeito do sucesso das competições escolares de Santa Catarina. O esporte nasce na escola, é despertado através da figura essencial do professor de Educação Física. Números assim nos dão a certeza de estarmos no caminho certo na formação de jovens atletas e também de cidadãos catarinenses melhores", disse o presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Junior, o Vadinho.

O diretor de Esporte, Marcelo Kowalski, também considerou extremamente positiva a desão em massa dos municípios catarinenses.

"Faz parte do nosso trabalho diário mostrar aos dirigentes municipais a importância de participar das competições, de inserir seus atletas no contexto. Ainda mais no âmbito escolar, tão importante para a formação dos nossos jovens", completou Marcelo Kowalski.

Os eventos escolares da Fesporte em 2014:

1) Jesc 12-14 anos

- 100.643 atletas e técnicos

- 50,2% homens e 49,8% mulheres

- 288 municípios (97,6% do total)

- 36 SDR's (100%)

- 1.234 escolas (59,6% do total da rede)

- 675 estaduais, 425 municipais, 133 particulares e 1 federal

2) Jesc 15-17 anos

- 109.326 atletas e técnicos

- 52% homens e 48% mulheres

- 281 municípios (95,3% do total)

- 36 SDR's (100%)

- 959 escolas (48,3% do total da rede)

- 610 estaduais, 209 municipais, 131 particulares e 9 federais

3) Moleque Bom de Bola

- 58.349 atletas e técnicos

- 57% homens e 43% mulheres

- 268 municípios (90,8% do total)

- 36 SDR's (100%)

- 894 escolas (45,1% da rede)

- 519 estaduais, 309 municipais, 66 particulares

Mais informações:

Rodrigo Braga

Ass. Comunicação Fesporte

48 8802-7742

Publicado em Jasti
Escrito por

Presidente da Fesporte visita etapa microrregional dos Jasti

São José - O presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Junior, o Vadinho, visitou na tarde desta quinta-feira (10) as competições da microrregional da Grande Florianópolis dos Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), que estão sendo disputados em São José.

Vadinho foi ao Centro de Atenção à Terceira Idade (CATI), onde estão sendo disputadas as modalidades de truco, canastra e dominó que definirão os classificados (apenas os campeões avançam) da microrregional para o estadual dos Jasti, competição que será disputada de 12 a 17 de maio, em Canoinhas.

"É sempre gratificante ver a disposição da nossa Terceira Idade, dando exemplo a todos de amor ao esporte e à vida. Aqui temos apenas uma etapa microrregional, mas pela organização e o número expressivo de participantes já dá para projetar o sucesso que será a etapa estadual, daqui a um mês, em Canoinhas", disse Vadinho.

Outras microrregionais

Além da Grande Florianópolis, outras SDR's também estão fazendo nesta semana as suas microrregionais dos Jasti. Nesta quinta, foram disputadas as classificatórias em Dona Emma, Agrolândia, Morro da Fumaça, Tunápolis e Itá. Na sexta-feira (11), é a vez da disputa em Arroio Trinta. 

Confira as datas de todas as microrregionais dos Jasti:

1ª SDR - 16 e 17/4 - São Miguel do Oeste

2ª SDR - 23 e 24/4 - Maravilha

3ª SDR - 24 e 25/4 - São Lourenço do Oeste

4ª SDR - 16 e 17/4 - Chapecó

5ª SDR - 24 e 25/4 - Abelardo Luz

6ª SDR - 25 e 26/4 - Presidente Castelo Branco

7ª SDR - Não haverá microrregional

8ª SDR - 29/4 - Campos Novos

9ª SDR - 11/4 - Arroio Trinta

10ª SDR - 25/4 - Caçador

11ª SDR - 16/4 - Santa Cecília

12ª SDR - 10/4 - Agrolândia

13ª SDR - 1/4 - Leoberto Leal

14ª SDR - 10/4 - Dona Emma

15ª SDR - 23/4 - Blumenau

16ª SDR - 24 e 25/4 - Guabiruba

17ª SDR - 24 e 25/4 - Camboriú

18ª SDR - 8 a 11/4 - São José

19ª SDR - Não haverá microrregional

20ª SDR - 9 e 10/4 - Capivari de Baixo

21ª SDR - 10/4 - Morro da Fumaça

22ª SDR - Não haverá microrregional

23ª SDR - 24 e 25/4 - São Francisco do Sul

24ª SDR - 23/4 - Jaraguá do Sul

25ª SDR - 24 e 25/4 - Campo Alegre

26ª SDR - 24 e 25/4 - Irineópolis

27ª SDR - Não haverá microrregional

28ª SDR - 24 e 25/4 - Bom Jardim da Serra

29ª SDR - 25 e 26/4 - Caibi

30ª SDR - 24 e 25/4 - Palma Sola

31ª SDR - 10 e 11/4 - Tunápolis

32ª SDR - 23 e 24/4 - União do Oeste

33ª SDR - 11/4 - Itá

34ª SDR - 25/4 - Mirim Doce

35ª SDR - 23 e 24/4 - Indaial

36ª SDR - 8/11 - São Ludgero

Pagina 1 de 31