Publicado em Geral
Escrito por

COMUNICADO

"Em atendimento à legislação eleitoral, a partir do dia 7 de julho e até o final do período eleitoral, estão suspensas as atualizações deste site. Para mais informações, consulte o site www.sc.gov.br"

Publicado em Geral
Escrito por

Agenda da Fesporte para a segunda semana de julho

Agenda da Fesporte para a segunda semana de julho. Saiba tudo o que acontece de eventos esportivos do nosso calendário pelo estado.

 

 

Data

Evento

09/07

Início da etapa seletiva dos Jesc 12-14 em:

     Iporã do Oeste (09 e 10/07) - resp.: Sérgio  L. Griebeller - (49) 34725018

     Timbó (09 e 10/07) - resp.: Virgínia O. Donner - (47) 33993034 

     São Joaquim (09, 12 e 13/07) - resp.: Miriam C. S. Bittencourt  - (49)32338316

10/07

Início da etapa microrregional dos Jasc em Coronel Freitas (10 a 14/07) - resp.: Adair Severiano - (49)20497418

11/07

Realização da etapa seletiva dos Jesc 12-14 em Fraiburgo  - resp.: Fernando C. G. Ribeiro - (49) 35661882

Início da etapa microrregional da Olesc em Passos Maia (11 a 13/07) - resp.: Lenuir A. P. Oliveira - (49) 33822000

Início da etapa microrregional dos Jasc em Tunápolis (11 a 15)

12/07

Início da etapa seletiva dos Jesc 12-14 em Laguna (12 e 13/07)

Publicado em Jasti
Escrito por

Dobradinha de Itajaí e Balneário no handebol dos Jasti

Itajaí e Balneário Camboriú levaram as medalhas de ouro e prata no handebol dos Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti) 2018. As disputadas foram realizadas no Ginásio Domingos Angelino Régis, em Navegantes, e contaram com a participação dos municípios de Balneário Camboriú, Itajaí e Navegantes.

No masculino, ouro para Balneário Camboriú e prata para Itajaí. Já no feminino, a situação se inverteu e Itajaí ficou na frente de Balneário. Jogando em casa, Navegantes ficou com o bronze entre as mulheres.

A modalidade teria sido realizada no final de maio, mas foi adiada por conta da paralisação dos caminhoneiros. A greve impediu que as delegações viajassem para disputar a etapa estadual da competição, em Rio do Sul, e por isso, a coordenação geral e técnica decidiu pelo adiamento da modalidade.

A competição é uma, promoção do Governo de Santa Catarina, por meio da Fesporte, em parceria com as prefeituras-sede e Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs).

 

Texto: Nicolas Quadro

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Nicolas Quadro

Zenilda Stein

Publicado em Parajesc
Escrito por

André e Paulo: Exemplos de inclusão nos Parajesc

As competições dos Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc) começaram nesta sexta-feira, 6, em Florianópolis, e as partidas iniciais mostraram que o torneio é um espaço democrático. 

No tênis de mesa, por exemplo, em meio a 23 competidores, há jovens consagrados como Paulo Henrique Gonçalves, 17 anos, bicampeão brasileiro na classe 7 (2015 e 2017), estudante da Escola Estadual Nereu Ramos, de Itapoá,  e também calouros como André Luis de Jesus, 14 anos, da Escola Estadual Arno Siewerdt, de Pouso Redondo. Ambos são unidos pela paixão ao tênis de mesa e aos Parajesc.

Paulo Henrique destaca que os Parajesc são uma competição muito importante em sua vida. “É um torneio que te possibilita disputar a etapa nacional. É um marco inicial na carreira de qualquer atleta”, destaca.

O calouro André Luis nasceu com paralisia cerebral espática que lhe atrofiou as pernas e só foi andar aos sete anos de idade. Dois anos depois conheceu o tênis de mesa. Hoje sua mãe, a costureira Natália Pergher, que o acompanha nas competições, diz que o esporte trouxe qualidade de vida ao filho.

O bicampeão brasileiro Paulo Henrique destaca que os Parajesc alavancam a carreira (Foto: Antonio Prado)

“Antes ele, para jogar, tinha que se segurar na mesa, pois não tinha equilíbrio no corpo . Agora ele já consegue fazer todos os movimentos”, atesta. O garoto, após três cirurgias nas pernas, diz que o esporte transformou sua vida para melhor. “Eu tenho mais equilíbrio no meu corpo. Minha coordenação motora melhorou. Não consigo me imaginar sem o tênis de mesa e os Parajesc podem me levar a ser um atleta profissional que é meu sonho”, conclui.

Os Parajesc são destinados a estudantes com idade entre 12 a 17 anos com deficiências física, auditiva, intelectual e visual. O evento, que prosseguem até domingo, dia 8, é uma promoção do Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a Prefeitura de Florianópolis, Secretaria Estadual de Educação e UFSC.

Estão nas disputas as modalidades de atletismo, basquete de cadeira de rodas, bocha paralímpica, natação, goalball, judô, voleibol sentado, tênis de mesa, tênis de cadeira de rodas e futebol sete. As competições ocorrem no entorno do campus da Ufsc em Florianópolis.

Texto: Antonio Prado

(48) 3665-6126

Informações Adicionais: João Cascaes (48) 3665- 6155

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

 

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte completa 25 anos e é referência no Brasil

Criada em 1993 por meio da Lei 9.131, a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) completa nesta sexta-feira, dia 6 de julho, 25 anos de fundação. Desde a sua criação mais de 10 milhões de atletas passaram por seus eventos esportivos, cujo calendário é composto por 10 programas que somados em todas as suas fases correspondem a 350 eventos esportivos que envolvem anualmente cerca de 230 mil atletas com idade a partir de 12 anos. São desenvolvidos eventos nos segmentos de esportes de rendimento, educacional e de participação.

Nesses segmentos estão distribuídos os Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Joguinhos Abertos, Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 12 a 14 anos e também de 15 a 17, Moleque Bom de Bola, Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), Festival Escolar Dança Catarina, Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) e Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc).

Ao longo de 25 anos muitos atletas foram revelados por eventos da Fesporte. Guga, no tênis, Felipe Luiz, no futebol (que disputa a copa na Rússia); Xuxa, o medalhista olímpico da natação;  Natália Zílio, campeã olímpica no voleibol e Luísa Matsuo, bicampeã  pan-americana de ginástica rítmica, são apenas alguns dos vários exemplos. 

Uma das grandes do Brasil

Somando todos seus eventos, a Fesporte gera uma média de 350 matérias por mês na mídia. Tais números correspondem a cerca de R$ 45 milhões de reais em mídia espontânea. Nas redes sociais, só em 2017, foram mais de quatro milhões de acessos e o site da instituição já figura entre os quatro mais acessados do Governo de Santa Catarina com uma media mensal de mais de 20 mil acessos.

Por seus eventos esportivos e por sua política de abrangência a Fesporte é considerada como uma das grandes instituições públicas  esportivas do Brasil, ficando entre gigantes como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná. Só nos últimos três anos os atletas catarinenses, gerenciados pela Fesporte, conquistaram 140 medalhas nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ). Em 2014 o Estado foi campeão geral das Paralimpíadas Escolares, batendo na final Rio e São Paulo.

Em 2015, durante os JEJ, Edgar Hubner, então gerente geral de Juventude e Infraestrutura do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e diretor geral dos Jogos Escolares da Juventude sentenciou: 

“A participação de Santa Catarina tem sido fundamental desde que iniciamos o projeto [de esporte escolar no COB] em 2005. O Estado tem uma política de esporte que acredita no esporte educacional e tem isso dentro do seu Programa de Governo”. E continuou: "Dentro dos últimos anos Santa Catarina tem se mostrado forte, organizada, competente,  principalmente num processo educacional em que é fundamental o entendimento que o profissional ou o professor é aquele que deverá ser aproveitado ao máximo dentro dessa transformação”.

Para Vanderlei Cordeiro de Lima SC é referência

Para o ex- maratonista olímpico  Vanderlei  Cordeiro de Lima Santa Catarina é uma grande referência para o Brasil na descoberta de novos talentos. “Isso é muito importante. É um trabalho que vem sendo feito a longo prazo e com continuidade Eu estive presente em várias realizações esportivas em Santa Catarina como Corrida de Rua a Maratona de Santa Catarina. Este Estado tem se destacado muito bem, principalmente no cenário esportivo na área escolar”.

Em 2018, ao fazer uma análise da estrutura esportiva de Santa Catarina, gerenciada pela Fesporte, o presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) o bicampeão paralímpico  do futebol de 5 para cegos Mizael Conrado, disse que Santa Catarina é um dos Estados com o melhor trabalho de inclusão do Brasil, sobretudo com as crianças na atividade física.  “Foi o Estado que primeiro criou uma competição estadual, os Parajasc, que é muito importante. Os Parajaps, no Paraná, certamente foram estimulados pelos Parajasc. Temos grandes trabalhos paradesportivos em todo o Estado de SC”, destacou.

Secretário Tufi destaca primeira mulher na presidência

Segundo o secretário de Turismo, Cultura e Esporte Tufi Michreff celebrar a data é algo especial. “Fazer parte deste momento é singular principalmente por ter pela primeira vez na história da entidade uma mulher na presidência: a professora de educação física Natália Lúcia Petry. Ela tem ajudado a construir um novo memento no nosso esporte com o apoio do Governador Eduardo Pinho Moreira, que já garantiu os recursos financeiros necessários para o calendário esportivo da Fesporte. Por isso desejo: Parabéns Fesporte!”.

Para a presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, presidir uma instituição que há 25 anos fomenta o esporte catarinense é motivo de muita satisfação. “A Fesporte já faz parte da cultura esportiva de Santa Catarina. Ao longo dos anos, por meio dos seus eventos, vêm revelando talentos esportivos para o Brasil. Desta feita, parabenizo a Fesporte por essa data especial e dizer que como gestora esportiva vamos trabalhar cada vez mais para que essa instituição continue a ser referência para o Brasil.

Texto: Antonio Prado

(48) 3665-6126

Informações Adicionais: João Cascaes (48) 3665- 6155

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Parajesc
Escrito por

Cerimônia de Abertura dos Parajesc lota auditório da UFSC

O auditório da reitoria da UFSC esteve lotado na noite desta quinta-feira, 5, em Florianópolis, para  a cerimônia de abertura da 9ª edição dos Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajes). O ponto alto da cerimônia foi o juramento do atleta, proferido pela velocista campeã brasileira escolar dos 100 metros T35 Emanuelli Remualdo, Colégio Industrial, de Lages, e também a apresentação do boi-de-mamão no final do evento.

Antes, porém, atletas de várias regiões do Estado foram agraciados com medalhas de participação. As autoridades presentes ressaltaram a importância dos Parajesc. Para Ivaldo Brandão Vieira, vice-presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), que veio exclusivamente para a competição, o evento tem um significado especial: “Santa Catarina sempre foi referência no Brasil nos Paradesportos. É um Estado que revela muitos campeões e fico muito feliz em estar aqui”.

Para a presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, é um evento de grande oportunidade aos participantes: “O esporte nos ensina lições nas vitórias e derrotas, mas nos Parajesc todos são vitoriosos por mostrarem superações”. 

Márcio Alves, secretário municipal de esporte e cultura da prefeitura de Florianópolis, destacou que o esporte promove inclusão social das pessoas e o secretário de turismo, cultura e esporte, Tufi Michreff, ressaltou que o evento congrega pessoas e promove uma troca de experiência e amizade entre os participantes. Revelou que o Governo de Santa Catarina já garantiu os recursos financeiros para os eventos do calendário da Fesporte.

As competições dos Parajesc começam a partir das 8 horas desta sexta-feira, 6, com as disputas do tênis de mesa (ginásio Capitão Waldir Schmdt) e a natação, que terá como palco a piscina da Elase. As demais modalidades serão disputadas no entorno da UFSC. O torneio prossegue até domingo, dia 8, com as disputas de atletismo, basquete de cadeira de rodas, bocha paralímpica, natação, goalball, judô, voleibol sentado , tênis de mesa, tênis de cadeira de rodas e futebol sete.

Os Parajesc são destinados a estudantes com idade entre 12 a 17 anos com deficiências física, auditiva, intelectual e visual. O evento é uma promoção do Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a Prefeitura de Florianópolis, Secretaria Estadual de Educação e UFSC.

Texto: Antonio Prado

(48) 3665-6126

Informações Adicionais: João Cascaes (48) 3665- 6155

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Conselho escolhe os Comendadores Esportivos 2018

Com a participação de 19 dos 21 membros, o Conselho Estadual do Esporte (CED) de Santa Catarina esteve reunido na tarde e noite desta quarta-feira (4/7) para a escolha das oito novas Comendas do Mérito Esportivo. A votação ocorreu entre 14 indicações e de acordo com a nova resolução que prevê Comendas para cinco pessoas físicas, uma entidade esportiva, uma de patrocínio e uma indicação in memoriam.

A Comenda do Mérito Desportivo é destinada a pessoas com relevantes serviços prestados ao esporte catarinense.

Comendadores 2018

Regina Ribeiro - Enxadrista de Blumenau;

João Cascaes - Gestor ligado ao paradesporto, Florianópolis;

Alexandre Fontes - Surfista e árbitro internacional da modalidade, Florianópolis;

Paulo Henrique Xavier de Souza - professor, ex-diretor do Cefid, Udesc, Florianópolis;

Carlos Morastoni - técnico atletismo, revelou atletas olímpicos, como José Alessandro Bagio e Alexandra Picagevicz, Timbó;

In memoriamRaylander Alves Righi -  Foi professor, atleta e técnico de handebol, Joaçaba;

Entidade esportiva - Federação Catarinense de Atletismo, que este ano completou 40 anos;

Entidade patrocinadora - Costão do Santinho - apoiadora de eventos internacionais de surf, tênis, skate, corridas de rua.

A solenidade de entrega das Comendas será realizada em Caçador, durante os Jogos Abertos de Santa Catarina. 

Texto: Mário Medaglia/CED

Publicado em Jasc
Escrito por

Governo assina convênio para repasse de 2 milhões aos Jasc

O Secretário de Cultura, Turismo e Esporte, Tufi Michreff Neto, e o prefeito de Caçador, Saulo Sperotto, estiveram na reunião da quarta-feira, 5, do Conselho Estadual do Esporte (CED) de Santa Catarina, pouco antes da votação para a escolha dos novos Comendadores. Na presença de 19 Conselheiros foi assinado o convênio com o Governo do Estado, através da Fesporte, para o repasse de R$ 2 milhões ao município sede dos Jogos Abertos/2018, programados para setembro.

A presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, e o presidente do Conselho, Alexandre Monguilhott, destacaram o empenho do Secretário Tuffi para a liberação destes recursos. O Prefeito Sperotto falou do trabalho feito em Caçador para o sucesso do evento, que contará com a contrapartida de R$ 700 mil do seu município. O Secretário Tufi Michreff informou ainda que os pagamentos referentes aos projetos encaminhados ao Seitec e aprovados pelo Conselho, serão todos regularizados, beneficiando atletas e a estrutura esportiva dos municípios.

Texto: Mário Medaglia/CED

Pagina 1 de 347