Quinta, 13 Junho 2024 18:04

Consulado húngaro debate o Teqball com a Fesporte Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

 

Na manhã desta quinta-feira (14), o presidente da Fesporte, Freibergue Nascimento, recebeu representantes do consulado da Hungria que participaram de uma roda de conversas com o objetivo de fomentar a modalidade teqball no estado de Santa Catarina.

Representaram o consulado na reunião a Sra. Christina Lago,  Cônsul Honorária da Hungria em Santa Catarina, a  Sra. Zsuzsanna László Cônsul-Geral do Consulado-Geral da Hungria em São Paulo e Sr. Dániel Rákóczi Cônsul Comercial do Consulado-Geral da Hungria em São Paulo.

História 

O Teqball foi criado oficialmente na Hungria no ano de 2014 e a modalidade tem grande tradição na cultura do país já que no ano de 2017 já realizou a primeira edição da copa do mundo da modalidade. 

Segundo a Sra. Zsuzsanna László, um dos intuitos da reunião é fazer com que o estado de Santa Catarina abra as portas para a modalidade através de eventos competitivos e formação de novos talentos.

"No nosso encontro falamos sobre uma modalidade húngara que é o teqball, porém aqui no Brasil sabemos que é bastante conhecido como futmesa. A nossa ideia é criar competições da modalidade e também trabalhar com núcleos que desenvolvam a modalidade formando novos praticantes já que quanto mais ela é praticada pelo mundo,  tem mais chances de se tornar uma modalidade olímpica que é na verdade o nosso grande objetivo" explica. 

"Muitos jogadores de futebol após a carreira migram para o teqball e o embaixador desta modalidade é o grande Ronaldinho Gaúcho, ídolo do futebol mundial" finaliza.. 

O presidente da Fesporte, Freibergue Nascimento, agradeceu a visita dos representantes do consulado húngaro na Fesporte e ressaltou que a pasta responsável pelo esporte catarinense está sempre de portas aberta para novas modalidades esportivas. 

"Primeiramente agradecer a presença dos representantes do consulado húngaro aqui na Fesporte e ressaltar que estamos sempre de portas abertas para que novas modalidades cheguem e cresçam em nosso estado. Penso que uma modalidade como o teqball une as pessoas que se reúnem para praticar e também como foi citado pelos representantes do consulado, é também uma ótima oportunidade para criar novos talentos deste esporte trabalhando com uma visão de futuro." finalizou Freibergue.

 

Lido 137 vezes Última modificação em Quinta, 13 Junho 2024 18:09