×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 351

A equipe catarinense do tênis de mesa conquistou seis medalhas neste sábado (18), nos Jogos Escolares da Juventude, em Brasília. Nas disputas de dupla mista (masculino e feminino), por equipes (masculino e feminino) e nas duplas (masculino e feminino) o Time Santa Catarina cumpriu com o bom desempenho que prometia antes da competição. Em todas as competições, chamadas "por equipes", os atletas garantiram uma posição no pódio. No domingo (19), a busca será de forma individual.

O destaque ficou por conta dos quatro ouros conquistados. Henrique Fernando Hau e o Enzo Vinícius Nakashima garantiram o ouro no "equipe masculino" e na "dupla masculina". Na dupla feminino, Sabrina Mizva e Ranifer Almeida Meurer também ficaram com o ouro. Na dupla mista, Enzo Nakashima e Ranifer Almeida Meurer subiram no ponto mais alto do pódio, confirmando as quatro medalhas de ouro deste sábado para o Time Santa Catarina, no tênis de mesa. 

- Estava dentro do esperado. Nós fizemos quase todas as finais, esse era o nosso objetivo. Queríamos colocar as duas duplas entre os três melhores do Brasil, e conseguimos. Na equipe também no masculino e no feminino garantimos posição na final, sendo que o masculino bateu o time de São Paulo, que era uma das equipes favoritas. No feminino, perdemos para o Paraná, mas também foi um jogão. Nas duplas, também entramos nas finais, que era um dos nossos objetivos. Batemos o Paraná e o São Paulo. Todos os resultados foram conforme aquilo que tínhamos buscado, isso foi concretizado - destacou o técnico Jean Streit, que é do município de São Bento do Sul.

Neste domingo (19), os atletas catarinenses competem de forma individual, a partir das 9h.

Veja os resultados do Time Santa Catarina no tênis de mesa

OURO - dupla mista - ENZO VINICIUS NAKASHIMA COLÉGIO JOSÉ ELIAS MOREIRA - JOINVILLE \\\\ RANIFER ALMEIDA MEURER \\ EEB PZ - RIO DO SUL

BRONZE - dupla mista - HENRIQUE FERNANDO HAU FRANCA \\ EEM PROF ROBERTO GRANT - SÃO BENTO DO SUL \\\ SABRINA MIZVA CESC - CANOINHAS

OURO - equipe masculino - HENRIQUE FERNANDO HAU FRANCA \\ EEM PROF ROBERTO GRANT // ENZO VINICIUS NAKASHIMA COLÉGIO JOSÉ ELIAS MOREIRA - JOINVILLE

PRATA - equipe feminino - SABRINA MIZVA CESC - CANOINHAS //  RANIFER ALMEIDA MEURER \\ EEB PZ - RIO DO SUL

OURO - dupla masculino - ENZO VINICIUS NAKASHIMACOLÉGIO JOSÉ ELIAS MOREIRA - JOINVILLE  /// HENRIQUE FERNANDO HAU FRANCA \\ EEM PROF ROBERTO GRANT 

OURO - dupla feminino - SABRINA MIZVA CESC - CANOINHAS //  RANIFER ALMEIDA MEURER \\ EEB PZ - RIO DO SUL

 

 

 

OURO - dupla feminino - SABRINA MIZVA CESC - CANOINHAS //  RANIFER ALMEIDA MEURER \\ EEB PZ - RIO DO SUL

Você quer ver as fotos dos Jogos Escolares da Juventude? É mãe ou pai de atleta ou você competiu em alguma prova em Brasília? É bem fácil acompanhar. 

Basta clicar nos links abaixo ou então digitar em seu navegador: bit.do/scfotosjej

- Drive das fotos JEJ (nuvem)

- Flickr da Fesporte

- Fotos no perfil do Facebook da Fesporte 

Ao longo dos dias de competições, vamos atualizar tudo para você. 

Além disso, acompanhe a nossa cobertura nas nossas redes sociais, realizada diretamente de Brasília.

Tem a página oficial do Facebook (fb.com/fesporte)e também o perfil do Instagram (@fesportesc).

Não demorou muito para a tão desejada medalha de ouro sair para o Time Santa Catarina, nos Jogos Escolares da Juventude, de 15 a 17 anos, em Brasília. Na manhã deste sábado (18), o atletismo e o tênis de mesa garantiram os três primeiros ouros para o estado. 

ATLETISMO CUMPRE FAVORITISMO

Em grande estilo, Micaela Rosa, de Palhoça, da EEB Maria Teresa, foi a responsável por garantir o primeiro ouro de Santa Catarina. A velocista cumprou o seu favoritismo na prova dos 100m com barreiras, sua especialidade, e com sobras ficou com o ouro. (VEJA A PROVA COMPLETA CLICANDO AQUI). Ela que na semifinal bateu o recorde da competição ao cravar 13s80. 

Em seguida, Andrieli Zander, de São Ludgero, da EEB São Ludgero, saltou para a melhor marca da carreira no salto em distância. Ela marcou 5m87 e não deu chances para as adversárias. Ao confirmar o título, muita emoção da jovem catarinense, de 17 anos. 

TÊNIS DE MESA DOMINA O PÓDIO

Ainda pela manhã de sábado, o tênis de mesa também garantiu o ouro e, além disso, uma medalha de bronze nas duplas mistas. Enzo Nakashima, do Colégio José Elias Moreira, de Tubarão, junto com a Ranifer Almeida Meurer, da EEB PZ, de Rio do Sul, subiram no ponto mais alto do pódio. Em terceiro lugar, Henrique Fernando Hau de França, da EEM Professor Roberto Grant,  com Sabrina Mizva, de Canoinhas, do Sesc Canoinhas. 

A natação e o judô deram as primeiras medalhas para o Time Santa Catarina, nos Jogos Escolares da Juventude, em Brasília, de 15 a 17 anos. Nesta sexta, no primeiro dia de competições, foram quatro medalhas de prata conquistadas pelos judocas e nadadores.

Em dois esportes diferentes, as medalhas foram iguais, porém, com gostos distintos. Na natação, Pedro Borin, do IFSC de Joinville, nadou a prova dos 100m borboleta e alcançou a segunda posição, muito comemorada por ele. O mesmo sentimento fica por conta do revezamento 4x50m nado livre feminino. As meninas Amanda Gava, Letícia Dias, Nayara Moreira Baron e Nathália Bento vibraram com a segunda colocação, conquistada com muito suor, em uma prova de recuperação.

- Creio que cumprimos com a nossa expectativa para esse primeiro dia, conseguimos duas medalhas. Agora é nos preparar para mais, pois a competição está em um altíssimo nível - disse o técnico Eduardo Murari.

Entretanto, a sexta-feira reservava também mais duas medalhas para o time catarinense, mas com um sabor mais amargo. No judô, no masculino e no feminino, duas finais e duas derrotas. Com isso, medalhas de prata. Gabriel Granja, na categoria até 73kg foi derrotado na decisão. Da mesma maneira, Maria Eduarda Schroll, que na categoria até 63kg, ficou com a prata na finalíssima. No pódio, um sentimento misto, com alegria e também de que o ouro poderia ter chegado. 

Neste sábado (18), a natação e também o judô seguem com a sua programação de finais.

PARA MAIS FOTOS, CLIQUE AQUI

Chegou a hora. Nesta manhã de sexta-feira (16), a delegação do Time Santa Catarina inicia a sua busca pela melhor campanha de sua história nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ). Em Brasília, serão 189 atletas na disputa de 13 modalidades para tentar superar o desempenho de 2016, quando o estado catarinense alcançou 47 medalhas realizando a melhor participação da história. 

Se no último ano, foram 8 medalhas de ouro, 20 de prata e 19 de bronze, o foco da delegação para a edição 2017 dos JEJ é de conquistar uma nova marca. Nesta sexta, as modalidades individuais iniciam - é a primeira parte da competição, que recebe as modalidades coletivas a partir da próxima semana.Portanto, os primeiros atletas irão atuar nas modalidades de: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. 

A programação inicia logo cedo, às 9h. Neste primeiro dia de competição, os destaques ficam por conta do atletismo e também da natação, que terão finais e podem somar as primeiras medalhas para Santa Catarina. 

SC estreia na luta olímpica 

Pela primeira vez, Santa Catarina detém uma delegação de luta olímpica nos Jogos Escolares da Juventude. São cinco atletas (três no masculino e dois no feminino) que serão os responsáveis por dar início neste novo passo da modalidade no estado.

Teve graça, beleza e emoção. A abertura dos Jogos Escolares da Juventude reuniu diferentes aspectos sociais e culturais, na noite desta quinta-feira (16), no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília. Do street dance à música contemporânea, em uma versão ousada do hino nacional para arrepiar a garotada de 15 a 17 anos da competição nacional, que inicia nesta sexta.

Um ar jovem, com leveza e diversão. O objetivo da organização dos JEJ, em atingir o público de 15 a 17 anos, foi alcançado. Claro, o protocolo das aberturas oficiais das competições realizadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro também foi respeitado. A entrada das delegações dos 27 estados brasileiros, mais o Distrito Federal, teve a pompa e circunstância que o futuro do esporte brasileiro merece. Alunos do Colégio Pedro II encaminharam, uma a uma, as delegações até o centro do ginásio. A entrada das bandeiras oficiais, do COB e também dos JEJ, p juramento e o acendimento do fogo simbólico dos Jogos também ornamentaram a cerimônia, de uma maneira mais formal.

Contudo, o show, literalmente, ficou por conta das apresentações no palco principal. O Hino Nacional foi entoado pelo grupo Patubatê que, com uma mistura de seons de latas, tonéis, baldes, panelas e peças de automóveis fez arregalar os olhos e aplausos da plateia. Antes, Tribos Urbandas, do Instituto de Dança Juliana Castro, e a Academia de Dança Bailacci arrancaram palmas e gritos das arquibancadas.

A delegação de Santa Catarina participou de toda a cerimônia, presidida por Erivaldo Caetano Nunes, o Vadinho, e também pela chefe de delegação Josélia Maranho. 

Nesta sexta-feira, os 98 atletas catarinenses, que defendem também as suas escolas de origem, iniciam as disputadas dos Jej a partir das 9h. Neste primeiro momento, os JEJ reúnem atletas das chamadas modalidades individuais: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. Depois, será a vez da participação dos competidores das modalidades coletivas: basquetebol, futsal, handebol e vôlei. 

Esporte é isso: união e alegria. Vai, Time Santa Catarina!

 

 

 

 

 

 

 

 

Pagina 10 de 18