×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 351

Sexta, 17 Novembro 2017 00:17

Contemporâneo toma conta da abertura dos JEJ, em Brasília Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Érika Miranda foi a responsável pelo acendimento do fogo simbólico Érika Miranda foi a responsável pelo acendimento do fogo simbólico Alexandre Loureiro/Exemplus/COB

Teve graça, beleza e emoção. A abertura dos Jogos Escolares da Juventude reuniu diferentes aspectos sociais e culturais, na noite desta quinta-feira (16), no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília. Do street dance à música contemporânea, em uma versão ousada do hino nacional para arrepiar a garotada de 15 a 17 anos da competição nacional, que inicia nesta sexta.

Um ar jovem, com leveza e diversão. O objetivo da organização dos JEJ, em atingir o público de 15 a 17 anos, foi alcançado. Claro, o protocolo das aberturas oficiais das competições realizadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro também foi respeitado. A entrada das delegações dos 27 estados brasileiros, mais o Distrito Federal, teve a pompa e circunstância que o futuro do esporte brasileiro merece. Alunos do Colégio Pedro II encaminharam, uma a uma, as delegações até o centro do ginásio. A entrada das bandeiras oficiais, do COB e também dos JEJ, p juramento e o acendimento do fogo simbólico dos Jogos também ornamentaram a cerimônia, de uma maneira mais formal.

Contudo, o show, literalmente, ficou por conta das apresentações no palco principal. O Hino Nacional foi entoado pelo grupo Patubatê que, com uma mistura de seons de latas, tonéis, baldes, panelas e peças de automóveis fez arregalar os olhos e aplausos da plateia. Antes, Tribos Urbandas, do Instituto de Dança Juliana Castro, e a Academia de Dança Bailacci arrancaram palmas e gritos das arquibancadas.

A delegação de Santa Catarina participou de toda a cerimônia, presidida por Erivaldo Caetano Nunes, o Vadinho, e também pela chefe de delegação Josélia Maranho. 

Nesta sexta-feira, os 98 atletas catarinenses, que defendem também as suas escolas de origem, iniciam as disputadas dos Jej a partir das 9h. Neste primeiro momento, os JEJ reúnem atletas das chamadas modalidades individuais: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. Depois, será a vez da participação dos competidores das modalidades coletivas: basquetebol, futsal, handebol e vôlei. 

Esporte é isso: união e alegria. Vai, Time Santa Catarina!

 

 

 

 

 

 

 

 

Lido 1343 vezes Última modificação em Sexta, 17 Novembro 2017 01:06