×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 351

A modalidade do vôlei de praia chegou ao seu final neste sábado (9), em Curitibanos. Os campeões, no masculino e no feminino, foram definidos no começo da tarde, com partidas equilibradas. Escolas de Santo Amaro da Imperatriz e Pomerode ficaram com o título e a vaga nos Jogos Escolares da Juventude, de 15 a 17 anos.

Na decisão masculina, melhor para a dupla de Santo Amaro da Imperatriz. Os gêmeos Sérgio Henrique e Paulo Sérgio Camargo, de 1,91m e 1,94m respectivamente, da Escola Anísio Vicente de Freitas, fizeram 2 sets a 0 e conquistaram o título. O fato que chama a atenção está em que essa foi a estreia dos dois nos Jesc, sendo que eles são os mais jovens da competição com 14 anos - completam 15 somente em dezembro. Eles venceram Gabriel Rigo e Gean Dionatan, da escola de Escola de Educação Básica Cardeal Arcoverde, do município de São Carlos. As parciais foram de 21/18 e 21/19.

Entre as meninas, Dandara Murara e Thays Girebel, de Pomerode, do Colégio Sinodal Doutor Blumenau, subiram ao posto mais alto do pódio. Elas venceram as irmãs Larissa de Campos e Letícia de Campos, da escola Roland Donbusch, de Jaraguá do Sul, também por 2 sets a 0, e garantiram a classificação para a etapa nacional. As parciais foram de 21/16 e 22/20.

Os vencedores serão os responsáveis por representar Santa Catarina no vôlei de praia, em Brasília, nos Jogos Escolares da Juventude. A competição está prevista entre 16 e 25 de novembro.

Dupla de Santo Amaro da Imperatriz levanta o troféu de campeã dos Jesc Foto: Heron Queiroz

 

 

Em um dos duelos mais esperados do vôlei feminino da primeira fase dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), melhor para a escola EEB Francisco Mazzola de Nova Trento. Nesta sexta (8), na partida contra a EEB Sara Kleinkauf de Guaraciaba, a vitória por 2 sets a 0 colocou um dos favoritos ao título na fase final da competição que reúne atletas de 15 a 17 anos, em Curitibanos, no Meio Oeste catarinense. 

Em um jogo equilibrado e marcado por intensas disputas de bola, as jovens de Nova Trento, município reconhecido pela boa prática de vôlei, venceram por 2 sets a 0, com parciais de 25/17 e 25/23. Garantidas na próxima fase, como líderes da Chave B, elas buscam o título por uma vaga nos Jogos Escolares da Juventude. Apesar da derrota, a equipe da escola EEB Sara Kleinkauf de Guaraciaba, também está classificada e com a mesma ambição de buscar o título. 

Um dos destaques da partida, a central Giovanna destacou o objetivo da equipe de Nova Trento na vaga para a etapa nacional. 

- A gente está trabalhando firme para conseguir a vaga no Brasileiro, estamos lutando dia a dia. Para o jogo, viemos com o pensamento de “subir a bola” e conseguir uma vitória boa. Conseguimos – falou a jogadora. 

Para Carol, de Guaraciaba, houve uma desconcentração por parte das atletas e, por isso, houve a derrota. 

- Penso que faltou o bloqueio, faltou concentração também, não é característica do nosso time jogar assim. O campeonato não acabou, temos como vencer ainda e é levantar a cabeça e seguir em frente - comentou. 

Os Jogos Escolares de Santa Catarina seguem até o próximo domingo, em Curitibanos. 

Veja abaixo os melhores momentos da partida

Com muita alegria e gingado, os Jogos Escolares de Santa Catarina iniciaram de forma oficial nesta quarta-feira, em Curitibanos. A cerimônia oficial de abertura da etapa estadual, 15 a 17 anos, teve a animação dos representantes das escolas participantes e muita intensidade do grupo de dança "Gente é pra brilhar". A competição segue até o próximo domingo.

Ainda antes de entrarem no Ginásio Onofre Santo Agostini, os jovens estudantes exibiam a animação e a ansiedade pelo início oficial dos Jesc. Aos poucos, os representantes de cada escola se encaminharam para a quadra e, sob aplausos, foram recebidas pelo público e também autoridades presentes.

Entre os presentes, estavam o prefeito de Curitibanos, José Antonio Guidi, o presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Caetano Júnior, o diretor de esportes da Fesporte, Dárcio de Saules e o presidente da Comissão Central Organizadora (CCO) e vice-prefeito de Curitibanos, Roque Satanguelin. Além deles, representando o secretário da Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, esteve presente o consultor jurídico, Nikolas Bottós.

- Em nome da população, damos as boas vindas para todos os atletas. Desejamos boas competições e também é que é através do esporte que fazemos novas amizades e aprendemos a superar os nossos limites. Bons jogos! - disse o prefeito de Curitibanos, José Antonio Guidi.

O grupo de dança "Gente é pra brilhar" animou ainda mais o ginásio. Os atletas acompanharam as apresentações vidrados com o gingado dos dançarinos.

Para o presidente da Fesporte, somente o esporte é capaz de realizar transformações na sociedade - essa foi a tônica do discurso de Erivaldo Caetano Nunes.

- Para nós da Fesporte, as maiores autoridades são os atletas e os estudantes. São a razão do nosso existir. A importância dos municípios investirem no esporte, significa deixar de ter um gasto a mais com a saúde, com tratamentos e poder dar um melhor futuro para as crianças e também para a juventude. Estão todos aqui de parabéns, são todos vitoriosos por estarem aqui - comentou Erivaldo Caetano Nunes.

Erivaldo Caetano Nunes, o Vadinho, discursou para os jovens na cerimônia de abertura dos Jesc (15 a 17 anos) Foto: Heron Queiroz

Até o domingo, serão cinco modalidades disputadas nos ginásios e Curitibanos - handebol, futsal, vôlei, basquete e vôlei de praia. Além disso, a luta olímpica será realizada em Blumenau, no sábado.

Natação ocorre em outubro, em Palhoça

A modalidade da natação será disputada em Palhoça, nos dias 7 e 8 de outubro, no Complexo Aquático da Unisul. As demais modalidades foram disputadas na última semana, com atletismo, badminton, judô, tênis de mesa e xadrez, na cidade de Curitibanos, além da ginástica rítmica, que aconteceu em Brusque.

O evento tem a promoção do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, e a parceria da 11ª Agência de Desenvolvimento Regional e Prefeitura de Curitibanos. 

São cerca de 1.600 atletas das escolas catarinenses, que disputam as medalhas e também a pré-classificação para os Jogos Escolares da Juventude, a etapa nacional, de 15 a 17 anos, que acontecem em Brasília, de 16 a 25 de novembro.

Nesta quarta-feira (6), os Jogos Escolares de Santa Catarina de 15 a 17 anos (Jesc/15-17) retornam para a cidade de Curitibanos. A etapa estadual será complementada com a disputa de seis modalidades, que resultarão nos pré-classificados para os Jogos Escolares da Juventude, a etapa nacional. 

Para esta segunda parte dos Jesc/15-17 São previstos para essa primeira parte dos Jesc/15-17 cerca de 1.600 atletas das escolas catarinenses. Serão disputadas as medalhas e os troféus nas modalidades de handebol, futsal, vôlei, basquete e vôlei de praia. O início da competição está previsto para as 9h, desta quarta-feira. 

As disputadas seguem em Curitibanos até o próximo domingo, com a definição dos vencedores. A luta olímpica tem um calendário diferente. A modalidade será realizada em Blumenau, no sábado (9), na EEB. Max Tavares do Amaral.

Os campeões serão classificados para os Jogos Escolares da Juventude de 15 a 17 anos, que acontecem em Brasília, de 16 a 25 de novembro. 

Natação ocorre em outubro, em Palhoça

A modalidade da natação será disputada em Palhoça, nos dias 7 e 8 de outubro, no Complexo Aquático da Unisul. As demais modalidades foram disputadas na última semana, com atletismo, badminton, judô, tênis de mesa e xadrez, na cidade de Curitibanos, além da ginástica rítmica, que aconteceu em Brusque.

O evento tem a promoção do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, e a parceria da 11ª Agência de Desenvolvimento Regional e Prefeitura de Curitibanos.

A 13ª edição dos Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina, os Parajasc, está chegando. Nesta terça-feira (29), em Criciúma, foi realizado o Congresso Técnico da competição para a definição dos últimos detalhes do evento, previsto entre os dias 26 de setembro e 1º de outubro.

No Centro de Convivência da Terceira Idade (CCTI) da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc), no bairro Mina Brasil, estiveram presentes mais de 50 representantes dos 52 municípios participantes dos Parajasc. Durante o encontro, foram discutidos os últimos detalhes para a programação do evento. Além disso, o sorteio das chaves das modalidades foi realizado. Ao todo, serão 12 modalidades em disputa, com a expectativa de 1.600 atletas representando os municípios.

O prefeito em exercício de Criciúma, Ricardo Fabris, ressaltou a satisfação e a preparação do município em receber o evento.

- Criciúma está pronta. Com escolas, alojamentos e locais de competição preparados para fazer uma grande competição. Quem sabe ser os melhores Parajasc da história de Santa Catarina. Estamos em portas abertas para receber em os atletas, dirigentes e a todos que irão participar e realizar os Parajasc. Estamos muito felizes - comentou Ricardo Fabris.

 O diretor técnico da Fundação Catarinense de Esportes (Fesporte), Dárcio de Saules, reforça a evolução do evento, principalmente em seu caráter competitivo, de rendimento. Nas primeiras edições, no entanto, os Parajasc buscavam a integração.

- Um evento que está na sua 13ª edição, é um prazer. O Governo do estado tem esse cuidado com esse segmento tão importante para o Estado e para o país. Estamos no caminho do aprimoramento, temos a parceria dos municípios e estamos procurando evoluir. Hoje é um evento de rendimento. Os atletas que vêm, eles vêm para buscar a medalha e também a classificação para o nacional. No começo a gente abraçava todos, mas agora temos um perfil de evento traçado que é o de rendimento. É um evento que passou de uma ferramenta de inclusão para o rendimento - comentou.

A 13ª edição dos Parajasc é realizada pela Fesporte, juntamente com o Governo do estado de Santa Catarina, em parceria com a prefeitura municipal de Criciúma e também da Fundação Municipal de Esportes local. A cerimônia de abertura está prevista para as 19h, do dia 26 de setembro, no Ginásio Municipal.

Realizado nesta quarta-feira (23), em Rio do Sul, o 1º Seminário de Gestão e Sustentabilidade do Esporte e do Lazer de Santa Catarina que reuniu cerca 200 pessoas de pelo menos 50 municípios do estado, entre atletas, dirigentes, conselheiros, técnicos, professores e estudantes da área. Dentro do cronograma, a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) foi representada pelo presidente, Erivaldo Caetano Júnior, o diretor técnico, Dárcio de Saules e também o diretor administrativo, Marcelo Greuel. 

"Este evento surge para aproximar ainda mais nós, da secretaria e do governo estadual, da sociedade e dos protagonistas do esporte de Santa Catarina. Queremos ouvi-los e, dentro das nossas possibilidades, atendê-los da melhor forma, de maneira clara e transparente", disse o secretário Pavan na abertura do evento.

Durante o seminário, no Parque Universitário Norberto Frahm, na Unidavi, o secretário assinou o texto final do Plano Estadual de Esporte e Lazer que será encaminhado para a Assembleia Legislativa nos próximos dias. Com a sanção, Santa Catarina deve se tornar o primeiro estado brasileiro a ter uma diretriz do gênero. "Esta era uma demanda expressiva do segmento esportivo catarinense, mas estava com tramitação morosa desde 2014. Neste ano conseguimos acelerar o processo com a realização de várias reuniões e esperamos transformar o plano em lei até o final do ano", observou Pavan.

O seminário ainda contou com uma mesa redonda envolvendo Alexandre Beck Monguilhott, presidente do Conselho Estadual de Esporte; Mário César Bertoncini, procurador-geral do Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina; e Carla Krug, gerente de Projetos Esportivos da SOL. Também foram apresentados os resultados obtidos na pesquisa Suplemento de Esporte do IBGE; as estratégias da Fesporte para o segmento esportivo; e cases de eventos promovidos pela Fesporte, como os Jogos Abertos, Olimpíadas Escolares e Jogos da Terceira Idade.

O evento foi promovido pela SOL, em parceria com a Fesporte, Conselho Estadual de Esporte e Tribunal de Justiça Esportiva, além disso conta com o apoio da prefeitura de Rio do Sul, por meio da Fundação de Esportes, Universidade do Alto Vale do Itajaí (Unidavi) e Federação Catarinense de Municípios (Fecam).

Pagina 15 de 18