Segunda, 22 Julho 2019 17:46

Taekwondo agora é modalidade oficial nos Joguinhos Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Congresso técnico, realizado na tarde desta segunda (22), definiu programação da modalidade e confrontos Congresso técnico, realizado na tarde desta segunda (22), definiu programação da modalidade e confrontos Foto: Orlando Pereira

A partir deste ano o taekwondo passa a contar pontos para a classificação geral que vai definir o campeão-geral dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina. A modalidade inicia nesta terça-feira a partir das 9h, no ginásio de esportes do Colégio Sinodal Rui Barbosa. No total, serão 17 municípios no masculino e 14 no feminino. O taekwondo, nas Olimpíadas de Seul, em 1988, tornou-se um esporte olímpico de exibição. Nos Jogos de Sidney, na Austrália, em 2000, tornou-se oficial. Chegou ao Brasil em 1970, por intermédio do mestre Sang Min Cho. Apesar de ser uma luta, possui, assim como quase todas as artes marciais, uma filosofia que consiste na valorização da perseverança, integridade, autocontrole, cortesia, respeito e lealdade.

Ao contrário de outras modalidades, cujo prazo de demonstração conforme regulamento é de três anos, o taekwondo foi quatro. O coordenador-geral da 32ª edição dos Joguinhos Abertos, Valdeci da Silva, acredita que, a partir de agora que se tornou oficial, a modalidade terá um incremento no número de municípios inscritos, já que na pré-inscrição o acréscimo foi de 50%.

O taekwondo conta com 50 associações e agremiações inscritas na Federação Catarinense. No total são 5.822 filiados nas faixas coloridas e mais 536 pretas. Existem ainda 42 metres. Os atletas começam a praticar a partir dos cinco anos. De acordo com o presidente da FCTKD, Allan Fábio Siqueira, o desafio agora é incluir a modalidade nas Olimpíadas Estudantil Catarinense (Olesc), como demonstrativa para, depois de três anos, tornar-se oficial. O processo já foi iniciado.

Os Joguinhos Abertos são uma promoção do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Rio do Sul/Fundação Municipal de Desportos.

Texto: Orlando Pereira/Ascom/Fesporte

Lido 1924 vezes Última modificação em Segunda, 22 Julho 2019 19:56