Quarta, 24 Julho 2019 15:02

Concórdia salta para a glória no handebol feminino Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(4 votos)
Artilheira, Duda Engel fez 14 dos 27 gols de Concórdia Artilheira, Duda Engel fez 14 dos 27 gols de Concórdia Foto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

O grito de “é campeão!” ecoou pela quinta vez para Concórdia no handebol feminino dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, na manhã desta quarta-feira, 24. Numa final sem muitos espaços nem chances de contra-ataque, a equipe da Região do Contestado passou pela de Balneário Camboriú por 27 a 17, levantando o troféu maior da competição. O jogo aconteceu no ginásio de esporte do Instituto Federal Catarinense, em Rio do Sul. Mais cedo, no mesmo ginásio, Blumenau venceu Chapecó por 23 a 11. 

A equipe concordiense não levava o título no handebol feminino dos Joguinhos desde 2013. Com essa conquista, Concórdia assume a segunda colocação em número de títulos na modalidade, num total de cinco (1990, 2007, 2008, 2013 e 2019), mesmo número de Criciúma, atrás de Blumenau, com sete títulos.

Equipe de handebol feminino de Concórdia, campeã dos Joguinhos Abertos 2019 (Foto: Heron Queiroz)

O destaque da partida foi Eduarda Engel. Mesmo tendo sofrido uma torção no tornozelo, a armadora esquerda marcou 14 gols, ou seja, mais da metade dos gols marcados por sua equipe. Duda Engel está entre as atletas que farão parte da equipe adulta de Concórdia que participará do 1º Mundial de Handebol (categoria adulta), que acontece em Wuxi, na China, de 1º a 4 de agosto deste ano. A equipe é resultado de uma parceria entre a Associação Atlética Universidade de Concórdia e Associação Nova Geração de Handebol (AAU/ANG). Além de Duda, Aline Bieger (ponteira direita) e Francieli Söthe (armadora direita) também integrarão a equipe AAU/ANG no Mundial. Depois disso, a equipe estará focada nos Jasc 2019.

Francieli Söthe (E), Aline Bieger (C) e Eduarda Engel (D) voltam para Concórdia, preparam as malas e seguem para a China, onde jogam o Mundial pela equipe adulta da AAU/ANG (Foto: Heron Queiroz)

O técnico Alexandre Schneider destacou a importância do trabalho que tem sido desenvolvido na cidade, tanto nas categorias de base quanto na adulta. “Conseguimos reconstituir o trabalho. Já fomos vice nos Jesc 15-17 neste ano e agora o título nos Joguinhos”, disse Schneider.

O handebol feminino encerrou nesta quarta, mas os Joguinhos seguem até sábado, 27, evento promovido pelo Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Rio do Sul. 

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Lido 2963 vezes Última modificação em Quarta, 24 Julho 2019 16:02