Sábado, 06 Julho 2019 15:16

Distribuição de medalhas marca último dia dos Parajesc Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Campeã brasileira Alana, da Escola Mun. Vereador Santa, de Balneário Camboriú, venceu o tênis de mesa Campeã brasileira Alana, da Escola Mun. Vereador Santa, de Balneário Camboriú, venceu o tênis de mesa Foto: Antonio Prado/Fesporte

O frio de três graus neste sábado, 6, em Maravilha, emoldurou o último dia de competição da 10ª edição dos Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc).  Atletismo, golbol e tênis de mesa foram as modalidades que encerram no sábado. Foi o dia de coroar os campeões com a tão cobiçada medalha de ouro.

Atletas como Alana Maschio, da Escola Municipal Vereador Santa, de Balneário Camboriú, que foi campeã do tênis de mesa classe 9. Nascida com má formação congênita na perna direita, Alana tem apenas 13 anos, mas já tem um currículo de gente grande: campeã da Copa Brasil 2016, campeã brasileira paralímpica 2017, campeã brasileira das Paralimpíadas Escolares 2018.

“Competições como os Parajesc são muito importantes, pois dão oportunidade dos estudantes conhecerem modalidades, disputar a competição e quem sabem serem grandes campeões no futuro”, destacou Alana, após receber sua medalha de ouro.

Gerenciada pelo Governo de Santa Catarina, por meio da Fesporte, em parceria com a prefeitura de Maravilha, as competições dos Parajesc começaram nesta sexta-feira, 5. A previsão inicial era que o torneio se estendesse até  este domingo, 7, mas, após pedido de antecipação  pelos dirigentes pelo intenso frio na região, os organizadores  resolveram acatar a solicitação e anteciparam o fim da programação para este sábado.

A etapa estadual dos Parajesc envolveu 303 atletas de 38 municípios de 245 escolas com  deficiências física (DF), visual (DV) e intelectual (DI). Na programação estiveram as modalidades de atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha paralímpica, futebol 7, golbol, judô, tênis em cadeira de rodas, tênis de mesa e voleibol.

Os atletas melhores ranqueados nos Parajesc ganharam o direito de participar da seleção de Santa Catarina que disputará as Paralimpíadas Escolares, em novembro, em São Paulo. 

Texto: Antonio Prado

Lido 1365 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.