Terça, 22 Outubro 2019 20:25

CT dos Jasc define chaveamento de modalidades Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(2 votos)
Autoridades da Fesporte e dos municípios-sede,além da mascote, o Bugio, abriram o congresso técnico em Pomerode Autoridades da Fesporte e dos municípios-sede,além da mascote, o Bugio, abriram o congresso técnico em Pomerode Foto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Há dez dias do início da 59ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), o congresso técnico, realizado na tarde desta terça-feira (22), em Pomerode, definiu o chaveamento das modalidades de basquete, bocha, bolão 16, bolão 23, futebol, futsal, handebol, punhobol, tênis, voleibol e vôlei de praia.

Cerca de uma centena pessoas, entre dirigentes de municípios participantes, profissionais de imprensa e integrantes da Comissão Central Organizadora (CCO) estiveram presentes ao Teatro Municipal de Pomerode para acompanhar o sorteio de chaves. Demais dirigentes, técnicos, atletas e público em geral puderam acompanhar ao vivo pela página da Fesporte no Facebook.

Os Jasc iniciam em 1º de novembro e seguem até o dia 10 do mesmo mês, envolvendo 5.100 atletas de 121 municípios, mesmo número de 2018, que estabeleceu recorde de municípios participantes. Considerando a participação desde a etapa microrregional, foram registrados 13.509 atletas de 202 municípios de todo o estado.

São 46 troféus de campeão em disputa, nas 24 modalidades que compõem o quadro, além do jiu-jitsu, em seu primeiro ano de caráter provisório, e do muaythai, que cumpre um ano de apresentação. O boxe é uma novidade na programação dos Jasc, mas apenas como modalidade de exibição. Ao todo, são 39 locais de competição distribuídos nos três municípios-sede: Indaial, Timbó e Pomerode, além de Jaraguá do Sul, onde ocorre o atletismo; em Blumenau, a ginástica artística; a prova de BMX, no ciclismo, em Rio do Sul; e o remo, em Rio dos Cedros.

Quanto à pista de atletismo, que está sendo construída em Timbó para atender aos Jogos Escolares da Juventude, e que, a princípio, também atenderia aos Jasc, o presidente da Fundação Municipal de Timbó, Márcio Elísio, justificou que, em função de entraves no processo licitatório, principalmente em relação a recursos, causaram atraso nas obras da pista, que já está em processo de colocação do piso sintético. 

“Não nos faltou boa vontade nem disposição, mas fomos pegos por questões burocráticas. Não tivemos alternativa, senão recorrer ao município de Jaraguá do Sul. Estamos tristes, porque sonhamos com esta pista já nos Jasc. Receberemos críticas, é normal, mas não vamos abrir mão das premissas legais, e principalmente que nós recebamos um equipamento de qualidade”, explicou Elísio. 

O diretor de esporte da Fesporte, Valdeci da Silva, destacou o trabalho da equipe da Fesporte. “Eu vi o trabalho abnegado dessas pessoas. Quem está de fora não tem a real noção do que eles fazem. Passam mais de 200 dias, longe da família, fazendo o esporte acontecer. É algo tremendamente emocionante. Não tenho como expressar tamanha gratidão. Como Estado e como Fesporte, alinhados com os municípios, faremos um grande evento”, disse da Silva.

O resultado do congresso técnico será publicado em boletim, que ficará disponível no site oficial da Fesporte (acesse aqui). Segundo o coordenador técnico, até quinta-feira (24), será dado encaminhamento do boletim do congresso técnico a todos os dirigentes. Os Jasc são promovidos pelo Governo de Santa Catarina – @governosc – e realizados por intermédio da Fesporte, em parceria como as prefeituras dos municípios-sede.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Lido 2529 vezes Última modificação em Terça, 22 Outubro 2019 20:32

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.