Sexta, 10 Abril 2015 12:33

Paradesporto de Santa Catarina é referência para o Brasil Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(1 Voto)
Santa Catarina é o único Estado que contempla atletas com deficiência intelectual Santa Catarina é o único Estado que contempla atletas com deficiência intelectual Foto: Antonio Prado

“O Paradesporto de Santa Catarina está na vanguarda e é referência para o Brasil”. A frase dita  por Andrew Parsons, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em novembro de 2014  durante o IV Congresso Paradesportivo Internacional realizado na Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc) em Florianópolis, mostra a importância do paradesporto catarinense para o país. Para o presidente da Fesporte Marcelo Kowalski o Estado entrou neste patamar de importância a partir da criação dos Jogos Paradesportivos de Santa Catarina, os Parajasc, em 2005, cuja etapa estadual ocorre este ano em São Miguel do Oeste de 25 a 30 de abril.

“Para se ter uma ideia Santa Catarina, pelo que temos conhecimento, é o único Estado do Brasil que contempla deficientes intelectuais em suas competições. Nem o CPB trabalha com estes atletas e nós sim por meio dos Parajasc. O CPB conhece nossos Parajasc, nossa estrutura”, enfatiza o presidente. Kowalski destaca que o evento tem se consolidado como uma das ações de maiores sucessos do esporte como fator de inclusão social graças ao apoio do Governo de Santa Catarina.

Esta ação, ao longo dos anos, vem colhendo bons frutos para o paradesporto catarinense. No ano passado pela primeira vez Santa Catarina foi campeã brasileira das Paralimpíadas Escolares realizadas em São Paulo. Os catarinenses superaram gigantes como Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

Agora, mais uma vez, de 25 a 30 de abril, nos Parajasc,  atletas com deficiência auditiva (DA), física (DF), visual (DV) e intelectual (DI) disputarão os troféus de campeão do atletismo, natação, tênis de mesa, xadrez, futsal, ciclismo, goalball, handebol em cadeira de rodas, natação, xadrez, basquete para cadeirantes e bocha paralímpica.  Na mente de muitos, mais que o título a grande vitória será a participação.

Mais Informação

Antonio Prado

(48) 9696-3045

 

 

Lido 2886 vezes Última modificação em Sexta, 15 Setembro 2023 17:40