×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 331

Sexta, 04 Dezembro 2015 19:53

Balneário Camboriú é bicampeã no handebol feminino Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(1 Voto)
Balneário Camboriú é bicampeã no Handebol feminino Balneário Camboriú é bicampeã no Handebol feminino Epa Machado (Fesporte)

Um clássico regional decidiu o título no handebol feminino da 15ª edição dos Jogos Escolares da Juventude (Olesc), nesta sexta-feira (4), penúltimo dia de competições, em Jaraguá do Sul. Balneário Camboriú, que defendia o título conquistado em 2014, em Criciúma, chegou ao bicampeonato. Voltou a enfrentar Itajaí na grande final realizada na Arena Jaraguá, repetindo o duelo de 2014, e vencer por 14 x 12. A decisão envolveu duas equipes sem muita tradição no handebol da Olesc. Balneário Camboriú entrou em quadra com um título e um vice no currículo; e Itajaí tinha dois vices em toda a história da Olesc e chegou a três medalhas de prata. Quem mais ganhou o handebol feminino foi Criciúma, com seis títulos.

A decisão foi emocionante, mas começou muito equilibrada. Balneário Camboriú fechou o primeiro tempo com vantagem de 6 x 5. No segundo tempo, Balneário Camboriú abriu para 12 x 8, mas Itajaí reagiu e descontou para 12 x 11 quando faltavam menos de cinco minuto para o final. Balneário Camboriú voltou a abrir vantagem para 14 x 11 faltando menos de um minuto para o final. Itajaí ainda descontou para 14 x 12, mas não havia mais tempo para uma virada. Ainda na quadra, as atletas e comissão técnica festejaram muito o bicampeonato.

O grande destaque da final foi a atleta Amanda Machado, 16 anos, que marcou 7 dos 14 gols do time bicampeão. “O que fez a diferença para a gente ganhar o título foi a nossa união, a garra com que jogamos e a vontade de vencer”, resumiu Amanda, que não estava na equipe que conquistou o título no ano passado. Em 2014, Amanda disputou a Olesc por Barra Velha e ficou em 4º lugar. No time de Itajaí, destaque para Camila, que marcou 5 gols.

Na preliminar, Blumenau derrotou Palma Sola por 22 x 14 e ficou com a medalha de bronze, e a equipe do Oeste do Estado ficou em 4º. Blumenau perdeu a semifinal para Itajaí, por 19 x 15, enquanto a equipe de Palma Sola foi derrotada por Balneário Camboriú, por 17 x 10. Na história da Olesc, Blumenau tem um título no handebol feminino e dois vices. E Palma Sola nunca chegou à final.

No handebol masculino, a sexta-feira foi de definição dos finalistas na Olesc. Na primeira semifinal, Itajaí eliminou São Bento do Sul, por 22 x 19, e vai disputar o título da modalidade com Caçador, que ganhou do time da casa por 25 x 20. Itajaí é o maior campeão da história da Olesc, no handebol masculino, com cinco títulos, e já foi vice-campeão quatro vezes. E Caçador foi vice-campeão nas duas vezes em que disputou a final. São Bento do Sul e Jaraguá do Sul decidem a medalha de bronze.

A Olesc é disputada por atletas escolares de 13 a 16 anos. A 15ª edição, que envolve mais de 3.000 atletas de 75 municípios, é uma promoção do Governo de Santa Catarina, com realização da Fesporte, em parceria com a prefeitura de Jaraguá do Sul.

 

Texto: Geraldo De Cesaro

Lido 3489 vezes