Na manhã do domingo, 14, Freibergue Nascimento, presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), juntamente com a deputada federal Daniela Cristina Reinehr, prestigiaram a etapa de Florianópolis, do Ironman 70.3, realizada na Praia dos Ingleses. Cerca de 1900 atletas participaram da largada que teve seu início às 6h30min. Neste ano, devido ao mau tempo e as condições marítimas desfavoráveis e perigosas para a disputa, não contou com a modalidade da natação. 

Segundo Freibergue Nascimento, presidente da Fesporte, este é um evento tradicional e faz parte do calendário do Estado.  “Eu, como ex-atleta de Ironman, sinto uma emoção muito grande em retornar, mesmo que de forma indireta. Agora, estando à frente da Fesporte é uma grande satisfação, e ter essa parceria com o Ironman, uma marca consolidada no mundo, faz com que Santa Catarina se projete no nível mundial. É realmente magnífico acompanhar tudo isso”, destacou. 

 

 

           Chuva não tirou o entusiasmo e esforço dos atletas                                    Foto: Enio Novaes (Ascom/Fesporte)  

 

Os grandes vencedores

O Ironman é realizado em Florianópolis desde 2001 e, com esta etapa, tendo somente as provas de ciclismo e corrida, o regulamento também mudou. Os  vencedores não foram definidos por ordem de chegada, e sim por quem completasse o trajeto de 90 km de ciclismo e 21 km de corrida. 

Fellipe Gomes Santo, seguido por Santiago Ascenço, na segunda posição, e Enzo Cauã Krauss Conceição em terceiro lugar, foram os grandes  vencedores no masculino.  No feminino, Patrícia Mendes conquistou o tricampeonato consecutivo (2022, 2023, 2024), seguida por Larissa Marya Fabrini de Oliveira, em segundo e Ana Laura Canil Franzini de Almeida, em terceiro. 

No dia 19 de maio, na praia de Jurerê Internacional, acontecerá a etapa do Ironman Brasil de 2024.

Texto - Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte) - (48) 3665 6126 

 

Na noite da última sexta-feira, 12, a Fesporte foi homenageada na solenidade do Centenário da Federação Catarinense de Futebol (FCF). 

O evento realizado em Balneário Camboriú contou com a presença de dirigentes, árbitros e convidados, marcou os 100 anos desta importante instituição do esporte catarinense e do Brasil. Uma série de homenagens e atrações de entretenimento marcaram a data e os homenageados receberam a “Medalha dos 100 Anos da FCF”. 

Uma das instituições agraciadas com esta medalha foi a Fesporte. Freibergue Nascimento, presidente da Fundação, recebeu a honraria das mãos do presidente da FCF Rubens Angelotti.

Freibergue Nascimento parabenizou a FCF pela data festiva e destacou a parceria das entidades para o fortalecimento do esporte catarinense. “É muito gratificante poder participar desse momento, receber essa homenagem e fortalecer a parceria com a Federação Catarinense de Futebol, de modo que possamos entregar para a sociedade, esporte de qualidade, tornando Santa Catarina referência nacional”. 

O Governador do Estado, Jorginho Mello, esteve no evento e também foi homenageado pela entidade maior do futebol de Santa Catarina, recebendo a “Medalha dos 100 Anos da FCF”.

 

A Federação Catarinense de Futebol – Breve histórico 

Foi fundada em 12 de abril de 1924, com o nome de Liga Santa Catharina de Desportos Terrestres, na rua Esteves Júnior, no Centro da Capital, no Gymnasio Catharinense, atual Colégio Catarinense. 

Foi neste local onde se reuniram os representantes dos clubes Atlético Florianópolis, Figueirense, Internato, Trabalhista e Avahy, para registrar a ata de fundação da atual, Federação Catarinense de Futebol.

No princípio, a entidade organizava campeonatos das modalidades de atletismo, tiro ao alvo e também de futebol. O primeiro presidente da então Liga Santa Catharina de Desportos Terrestres foi Luiz Alves de Souza (1924-1927). 

Mais tarde, já em 1927, a Entidade teve seu nome modificado para Federação Catarinense de Desportos. E em 1951 a Federação Catarinense de Desportos tornou-se a Federação Catarinense de Futebol.

Texto - Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte) - (48) 3665 6126

A surfista catarinense Tainá Hinckel foi homenageada nesta terça-feira, 9, na Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc), por ser mais uma catarinense a conquistar uma vaga no grupo de atletas do Brasil para os Jogos Olímpicos de Paris 2024. 

Os Jogos de Paris acontecem entre os dias 26 de julho e 11 de agosto e a modalidade de surfe será realizada na praia de Teahupoo, na ilha do Taiti, parte do arquipélago da Polinésia Francesa, território ultramarino da França, no Oceano Pacífico. 

Freibergue Nascimento, presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) participou desse ato. “Em nome do governador Jorginho Mello, da Fesporte e de toda a família de atletas de Santa Catarina e do Brasil, agradeço todo esse empenho e ao mesmo tempo, desejar a você todo sucesso nas Olimpíadas de Paris”, afirmou. 

Presidente da Fesporte, Freibergue Nascimento, parabeniza Tainá Hinckel      Foto: Delamare de Oliveira Filho

 

Tainá, de 21 anos, é natural da Palhoça, e não esconde a expectativa. “Esta será a minha primeira Olimpíada e estou ansiosa para estar entre os melhores. Estou muito feliz com meu desempenho nas últimas competições. Continuo treinando bastante e espero aproveitar muito esta oportunidade de competir com os grandes nomes do surfe mundial”, destacou. 

As disputas do surfe vão acontecer entre os dias 27 e 30 de julho, com 48 surfistas de várias partes do mundo, 24 no naipe masculino e 24 no naipe feminino. 

O evento na Alesc foi uma moção de aplauso intermediada pelo deputado estadual Camilo Martins, que também é natural de Palhoça (SC).

Texto – Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte) – (48) 99683 5416 

É com pesar que recebemos a notícia do falecimento de Norton Flores Boppré, uma figura apaixonada pelo esporte e dedicada ao engrandecimento do Figueirense Futebol Clube e do esporte catarinense.

No momento da sua partida nesta manhã, mantinha o cargo de presidente do Conselho Deliberativo do Figueirense. 

Neste momento de luto e tristeza, prestamos nossas mais sinceras condolências à família, amigos e a todos aqueles que tiveram o privilégio de conhecer e trabalhar ao lado de Norton Boppré.

É com grande pesar que Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), recebeu a noticia do falecimento de dois jovens atletas da equipe Villa Futsal, de Rancho Queimado. 

Rafael Vanderlinde, 21 anos e Matheus Fraga, 24 anos, foram vítimas de um trágico acidente na SC-350, em Alfredo Wagner, nesta sexta, 5. 

Rafael, natural de Salete, participou de eventos da Fesporte: a Olesc e os Joguinhos Abertos. Matheus residia em Trombudo Central.

Neste momento de dor e luto, estendemos nossas condolências à família e amigos. Que encontrem conforto e força na partida tão precoce desses jovens atletas.

Nesta terça, 2, com um número expressivo de inscrições (6514), sendo 5216 atletas e 1298 dirigentes, iniciaram as competições das etapas microrregionais dos Jogos  Abertos da Terceira Idade (Jasti). 

A busca pela vaga para a etapa estadual, em Criciúma, é o grande objetivo nos próximos dias. 

Serão 36 microrregionais e as disputas acontecem  entre os dias 2 e 12 de abril. Os primeiros locais de competição foram às microrregionais de Maravilha, com sede dos jogos em Pinhalzinho; e Xanxerê. 

Participam dez municípios nas microrregionais de Maravilha e Xanxerê, nas modalidades de bocha, bolão, dominó e cartas (canastra e truco). 

O presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Freibergue Nascimento, destaca a sua satisfação com mais esta realização do Governo do Estado.  

“É o governo de Santa Catarina oferecendo oportunidade para que o nosso atleta da terceira idade, participe da vida ativa do esporte, trazendo saúde, bem estar, lazer e acima de tudo o exercício do direito da cidadania”, finalizou. 

 Texto - Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte) - (48) 3665 6126

Pagina 7 de 29